header print

Oftalmologistas Encontram a Cura Para as Moscas Volantes

 

Por acaso você vê manchas semitransparentes que parecem voar à sua frente? Elas podem ficar ainda mais visíveis quando a pessoa está exposta ao sol ou em ambientes bem claros. A medicina as chamam de moscas volantes. E como elas surgem?

A estrutura do globo ocular tem uma parte chamada corpo vítreo (ou apenas vítreo), uma substância viscosa formada por fibras e células, e fica entre o cristalino e a retina. Porém, nesta área do olho podem ser formados pequenos pedaços de proteína, tecidos ou glóbulos vermelhos que parecem ficar ‘soltos’ na retina, na parte de trás do olho. E é isso que causa essas manchas que parecem voar na visão das pessoas. A boa notícia é que parece que a cura para esse problema já existe.

 
novo tratamento para eliminar moscas volantes

Embora sejam geralmente inofensivas, as moscas volantes podem aumentar e se tornarem mais problemáticas com a idade. O vítreo começa a se deteriorar lentamente e ficar liquefeito e, dessa forma, faz com que as moscas volantes possam se unir e criar pequenos conglomerados que podem afetar a boa visão. 

A boa notícia é que oftalmologistas do Ophtalmic Consultants of Boston, nos Estados Unidos, testaram um tratamento chamado vitreólise de laser de ítrio e alumínio nas moscas volantes, e o compararam com um tratamento com placebo, dado a um grupo controlado. Embora já tenha sido testado antes, o estudo de Boston marcou a primeira vez que esse tipo de tratamento foi colocado contra os placebos.


Cerca de 54% dos participantes no grupo tratado relataram melhora na visão, o que contrasta com 9% do grupo com placebo, que também relatou melhora. O estudo incluiu 52 voluntários no total, que foram testados ao longo de seis meses.

O tratamento é feito por meio de um feixe de laser que é ‘disparado’ nas moscas volantes, de meros seis milésimos de milímetro de largura. Durante o experimento, nenhuma das pessoas teve problemas ou efeitos colaterais. O processo transforma os fragmentos em pedaços muito menores.

 
novo tratamento para eliminar moscas volantes

Além disso, o processo não é invasivo ou doloroso, e já está disponível para pacientes nos Estados Unidos. Ainda há muito a aprender sobre o tratamento, pois só foi testado em uma pequena quantidade de pessoas.

No entanto, os pacientes que utilizaram o tratamento relataram uma melhora real na visão. Agora vamos torcer para este tratamento chegar ao Brasil.

Fonte: Science Alert | Fotos: Deposit Photos

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: