header print

Você vai Adorar Conhecer os Benefícios do Milho!

O milho é uma das bases da minha alimentação. Seja como creme, pipoca, cereal matinal, ou até uma espiga cozida, eu sempre adorei esse delicioso cereal amarelo, mas nunca soube quais são seus reais benefícios à saúde, e quais são os perigos de comer muito desse grão. Por isso, preparei este guia muito especial, que descreve exatamente os prós e contras de consumir milho.
 
Benefícios do milho

Sobre o Milho

Na Europa eles tinham o trigo; no Extremo Oriente tinham o arroz. Essas eram suas principais fontes de alimentação diária, mas, nas Américas, o grão que tornou-se mais amado foi o milho. Começando apenas como um pequeno sabugo (foto abaixo), com grãos minúsculos, os agricultores mesoamericanos plantaram as suas maiores e melhores sementes, que ao longo do tempo produziram esse magnífico milho que nós conhecemos hoje. Esta comida genuinamente do continente americano foi levada por Cristóvão Colombo à Europa, de onde então passou a ser conhecida em todas as partes do mundo, tornando-se agora o grão mais produzido no mundo.

Benefícios do milho
O milho é um alimento básico que nutriu gerações de pessoas como parte de uma dieta saudável, fornecendo 10% da nossa ingestão diária recomendada de magnésio, vitamina C, fósforo, tiamina, folato e fibras. Você deve saber que existem diversas variedades de milho que são cultivadas para o uso convencional, como o milho duro, milho doce, dentre outros.. Mas você sabe que existe uma variedade de cores surpreendentes do milho, como vermelho, preto, roxo, azul, branco e laranja? Esse alimento é uma verdadeira maravilha do mundo, e aqui estão alguns dos seus maiores benefícios para a saúde!
Os Benefícios do Milho à Saúde
Benefícios do milho
1. O milho reduz o risco de hemorroidas e câncer colorretal
Devido ao seu alto teor de fibras (cerca de 20% da nossa quantidade diária), o milho é um alimento excelente para aliviar os problemas digestivos, como constipação e hemorroidas. Como um grão integral, ele também ajuda a reduzir o risco de câncer de cólon. Uma dieta rica em fibras é bom para os intestinos e os movimentos intestinais e isso significa que há menos chances de você desenvolver síndrome do intestino irritável (SII) e diarreia.

2. O milho protege o coração
Se o seu coração já está em boas condições, os ácidos graxos ideais presentes no óleo de milho irão lhe ajudar a manter o equilíbrio entre o ômega-3 (bom) e ômega-6 (ruim), reduzindo o colesterol, a pressão arterial e as chances de ataques cardíacos ou acidentes vasculares cerebrais.

3. O milho previne anemia
Uma das principais causas de anemia é a deficiência de ferro, uma vez que é ele que forma as células vermelhas do sangue. Este mineral é abundante no milho, portanto é um ótimo alimento para combater a anemia!

Benefícios do milho

4. Há benefícios em cosméticos provenientes do milho

O amido de milho já é frequentemente usado em produtos cosméticos e também pode ser aplicado na sua pele para aliviar quaisquer erupções ou irritações que você esteja sofrendo. Muitos cremes tradicionais para a pele infelizmente contêm substâncias cancerígenas que bloqueiam os poros, e o amido de milho é um melhor substituto para estes produtos nocivos.

5. O milho pode controlar a diabetes e hipertensão

Comer muitas frutas e vegetais, como milho, reduz muito o risco de diabetes, e pode até mesmo aliviar essa condição (o milho pode ajudar na diabetes mellitus tipo 2). Fitoquímicos fenólicos estão presentes no milho integral e eles são eficazes contra a hipertensão, uma vez que regulam a liberação e absorção da insulina no corpo.

6. O milho promove a boa saúde dos olhos
O milho é uma boa fonte de luteína e zeaxantina, que ajudam a preservar a boa saúde ocular. Altos níveis desses carotenoides no sangue têm sido frequentemente associados com a redução do risco de catarata e degeneração macular.

Benefícios do milho
7. O milho ajuda a prevenir a diverticulose
Como nozes e outras sementes, já foi discutido que pessoas que sofrem de diverticulite devem evitar milho rico e outros alimentos ricos em fibras. No entanto, um amplo estudo descobriu que os consumidores de pipoca eram 28% menos propensos a desenvolver diverticulose.

8. Os antioxidantes do milho retardam o declínio cognitivo e o Alzheimer
Antioxidantes erradicam os efeitos nocivos causados ​​por radicais livres e, assim, podem retardar o declínio cognitivo e ajudar a evitar tais problemas terríveis como a doença de Alzheimer.

O Milho é Rico em Várias Coisas Boas
Benefícios do milho
  • Sua vitamina C aumenta a imunidade e ajuda no combate às infecções;
  • Sua vitamina E tem propriedades anti-envelhecimento;
  • Sua tiamina melhora a memória, funções cognitivas e a saúde dos nervos;
  • Seu fósforo ajuda a manter o crescimento normal, a função renal e a saúde óssea;
  • Seu magnésio aumenta a saúde óssea e regula a frequência cardíaca;
  • Sua vitamina B7 mantém a pele e o cabelo saudáveis;
  • O seu alto teor de fibras é bom para dietas de perda de peso, pois reduzem o colesterol.

ATENÇÃO
Infelizmente, embora o milho seja muito bom para boa parte da população, ele não é perfeitamente saudável para todo mundo, especialmente quando não consumido em moderação. Aqui estão alguns dos efeitos indesejáveis do consumo desse alimento.

Benefícios do milho
Anti-nutrientes: Todos os grãos de cereais contêm ácido fítico, que em grande quantidade pode prejudicar a absorção de minerais dietéticos necessários, como ferro e zinco. Se você come carne regularmente, este problema será suavizado. Outra solução é deixar seu milho de molho antes de comer, o que irá reduzir muito a quantidade de ácido fítico.

Micotoxinas: As micotoxinas desenvolvem-se quando fungos infectam o milho, aumentando os riscos de câncer naqueles que o consomem diariamente. Felizmente, no mundo desenvolvido, as autoridades de segurança alimentar monitoram os níveis de micotoxinas em todos os alimentos, especialmente o milho, bem como o modo como são armazenados.

Outros efeitos indesejáveis:
1. As pessoas com alto risco de doença cardíaca devem evitar o óleo de milho devido aos seu ácidos graxos. Esse óleo também é altamente calórico, portanto não deve ser usado todos os dias, apenas ocasionalmente.
2. Milho conservado é muito rico em sal, chega a ter um quarto da sua ingestão diária necessária. Em vez disso, compre latas que não tem adição de sal, ou consuma milho fresco.
3. O milho é rico em carboidratos, de modo que aqueles que o consomem em grandes quantidades podem ganhar peso.
4. Raramente, algumas pessoas têm alergias de milho. Os sintomas incluem: vômitos, dores de cabeça, erupções cutâneas, dores abdominais, flatulência, náuseas, coceiras na pele, inchaço da língua  ou boca, febre, diarreia, asma alérgica, alterações de humor e artrite.
Se você tiver algum destes sintomas após o consumo de milho, contate o seu médico imediatamente.

Agora um bônus: Uma deliciosa receita de bolo de milho verde cremoso

Fontes: a; b; c
 
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: