header print

Consuma Alimentos Que Combatem a Depressão

Médicos e nutricionistas têm alertado constantemente os pais a respeito da dieta de seus filhos. Hoje em dia, a alimentação infantil tem sido chamada de "dieta do fast-food", pois as crianças e adolescentes estão se alimentando cada vez mais de forma inadequada, muitos deles viciados em hambúrgueres, pizzas e frituras das grandes redes de fast food espalhadas pelo mundo. Mas este não é apenas um problema infantil - na verdade, doenças como colesterol alto, pressão alta e obesidade têm atingido pessoas de todas as faixas etárias. Além dessas doenças, o que muitos não sabem é que o excesso dessas refeições, que muitas vezes têm muitos alimentos processados, pode desencadear depressão.

Uma alimentação adequada e saudável proporciona muitos benefícios para a saúde física e também a saúde mental. Abaixo você vai conferir alimentos que são excelentes para o cérebro, chamados de "comida alegre", e que são eficazes no combate à depressão, uma doença que tem atingido cada vez mais pessoas em todo o mundo.

 
Feijão-preto
Alimentos que combatem depressão

O feijão, principalmente o preto, é rico em magnésio, que ajuda a aumentar os níveis de serotonina no organismo - o chamado "hormônio da felicidade". Além disso, o feijão-preto é rico em antioxidantes e contém componentes como ferro, zinco, potássio e fibras.

 
Pão integral
Alimentos que combatem depressão

Quando os hormônios no nosso organismo estão desequilibrados, podem surgir problemas como estresse, distúrbios do sono e depressão. Além disso, muitos atacam refeições ricas em carboidratos quando se sentem estressados ou deprimidos, pois o carboidrato age como um "reconforto" para o corpo, promovendo uma passageira sensação de bem-estar. Por isso, quem gosta de pães pode optar pelos integrais, preferencialmente os não industriais, e com componentes como aveia e sementes diversas. Mas atenção: deve-se consumir com moderação, pois, apesar de saudável, o pão é carboidrato.E quanto mais escuro e integral, melhor para a saúde do cérebro.

 
Beterraba
Alimentos que combatem depressão

Muitos torcem o nariz para a beterraba, mas é um dos melhores alimentos que existem. Ela contém betaína, um aminoácido que também ajuda na produção de serotonina no organismo. Além disso, é rica em ácido fólico, que é ótimo para o sistema nervoso e a saúde mental.

 
Alga marinha
Alimentos que combatem depressão

Trata-se daquela alga marinha que envolve o sushi. Muitos não sabem que ela é excelente para a saúde, rica em iodo, um elemento químico importante para a saúde, mas difícil de encontrar nos alimentos. O iodo é um dos fortes combatentes à depressão, além de regularizar a glândula tireoide, que influencia na energia do organismo, do peso e em funções cerebrais.

 
Chá de camomila
Alimentos que combatem depressão

Já foi comprovado cientificamente que a camomila é um excelente remédio natural. É ideal para quem tem problemas para dormir. Quem tem dificuldades no sono pode desencadear doenças como depressão. Além disso, tomar uma xícara desse chá antes de dormir é muito reconfortante e agradável.

 
Suco de mirtilo
Alimentos que combatem depressão

Essas lindas frutinhas são mais consumidas puras, como no cereal ou no iogurte, mas o suco, por ser bastante concentrado, é riquíssimo em vitamina C, outro elemento essencial para a saúde e que inclusive ajuda a evitar a depressão. Portanto, caso esteja com aquela sensação de fadiga e tristeza, procure pelo suco de mirtilo. Você também pode fazê-lo em casa.

 
Ovo
Alimentos que combatem depressão

O ovo é um excelente alimento, pois contém zinco, vitaminas do complexo B e iodo, além de ser uma ótima fonte de proteína. Um estudo científico mostrou que pessoas que comeram ovos no café da manhã perderam mais peso comparado aos que não consumiram. Como a obesidade pode desencadear depressão, o ovo integra essa lista de "alimentos felizes", pois é um combatente ao aumento de peso.

 
Pimentão vermelho
Alimentos que combatem depressão

O pimentão vermelho tem uma quantidade de vitamina C oito vezes maior que os outros, assim como vitamina A. Um recente estudo da William Paterson University, nos Estados Unidos, colocou o pimentão em segundo lugar entre os vegetais mais benéficos para a saúde. A alta concentração de vitaminas concentrada neste alimento afeta diretamente o humor, de forma positiva, claro, além de fortalecer o sistema imunológico.

 
Coco
Alimentos que combatem depressão

O coco é uma ótima fonte de triglicerídeos da cadeia média, um tipo de gordura saudável que faz muito bem à saúde, principalmente os músculos e também para o cérebro. É uma boa opção para quem tem alterações de humor. Mas é preciso consumi-lo com moderação, pois é bastante calórico.

 
Chocolate amargo
Alimentos que combatem depressão

Chocolate é uma paixão mundial, mas a regra aqui é consumir aquele escuro e amargo, com pouco ou nenhum açúcar, mas repleto de qualidades. Assim como o coco, contém triglicerídeos da cadeia média, que faz bem para saúde do cérebro, melhorando o humor. O melhor de tudo é que esse chocolate tem menos calorias que o comum.

 
Semente de abóbora
Alimentos que combatem depressão

Este é um dos alimentos que mais contém um importante aminoácido chamado triptófano. Assim como a serotonina, é uma das substâncias que promove a sensação de bem-estar no organismo. Muitos estudiosos já comprovaram que a semente de abóbora é um dos melhores antidepressivos naturais, e o melhor de tudo é que é fácil de encontrar e tem poucas calorias.

 
Mexilhão
Alimentos que combatem depressão

O mexilhão tem uma grande quantidade de vitamina B12, que é importantíssima para a saúde do cérebro, pois atua diretamente na manutenção das membranas celulares, que se tornam mais frágeis com o avanço da idade. A falta dessa vitamina também é um desencadeadores de depressão, portanto é fundamental consumi-la. Além disso, o mexilhão contém zinco, iodo e selênio.

 
Acelga
Alimentos que combatem depressão

A acelga é uma excelente fonte de magnésio, um nutriente essencial que atua nas funções bioquímicas do cérebro, inclusive no humor. Um estudo publicado em 2009 pelo Australian and New Zealand Journal of Psychiatry mostrou que pessoas que consumiam alimentos ricos em magnésio tinham riscos muito baixos de adquirirem depressão.

 
Carne vermelha orgânica
Alimentos que combatem depressão

A carne de animais criados livres em pasto contém níveis muito maiores de ácido linoleico, um ácido graxo fundamental na nossa dieta. É uma gordura saudável chamada de "gordura alegre", pois ajuda a combater as alterações hormonais no organismo que desencadeiam estresse. A melhor carne onde se pode encontrar essa gordura é a de carneiro, que ainda é rica em ferro, um nutriente que ainda ajuda a equilibrar o humor. Por isso, procure por carnes vermelhas orgânicas no supermercado.

 
Iogurte grego
Alimentos que combatem depressão

Este é um dos alimentos que mais contém cálcio, um nutriente muito importante que fortalece os ossos e também ajuda a estabilizar o humor. O cálcio, quando chega aos neurotransmissores cérebro, faz com que a pessoa sinta mais disposição e energia. Como resultado, diminuem os riscos de ansiedade, depressão, irritabilidade e falta de memória.

 
Aspargo
Alimentos que combatem depressão

Assim como a semente de abóbora, o aspargo é uma boa fonte de triptófano, substância que ajuda a melhorar o humor. Esse vegetal ainda contém ácido fólico, que ajuda a prevenir a temida doença de Alzheimer.

Mel
Alimentos que combatem depressão

Quem gosta de adoçar o café e o chá deve substituir o açúcar pelo mel, que é muito mais saudável e nutritivo. O mel contém quercetina, uma substância que age como anti-inflamatória no organismo, e um flavonoide chamado kaempferol, que ajuda a manter o cérebro ativo e saudável, evitando assim doenças como a depressão.

 
Tomate cereja
Alimentos que combatem depressão

O tomate é um dos alimentos mais importantes e saudáveis do mundo. É uma das maiores fontes de licopeno, um poderoso antioxidante que fortalece o cérebro, evitando, dessa forma, o surgimento de depressão e outras doenças neurocerebrais. O tomate cereja, por ser menos e mais concentrado, tem uma grande quantidade de licopeno. É muito saboroso e fica ótimo em saladas.

 
Azeite de oliva extra virgem
Alimentos que combatem depressão

O azeite extra virgem ajuda as células sanguíneas a produzir serotonina, responsável pela sensação de bem-estar. Mas atenção: deve ser consumido com moderação, pois, embora seja saudável, é uma fonte de gordura e contém calorias. O ideal é utilizá-lo com moderação, principalmente frio, no preparo de saladas, para manter suas boas propriedades.

 
Espinafre
Alimentos que combatem depressão

A falta de ferro no organismo pode simplesmente roubar as suas energias, e causa aquela sensação de fraqueza e irritabilidade. O espinafre é uma das principais fontes desse importante nutriente. O melhor de tudo é que, além de saudável, é uma verdura pouco calórica e que pode ser preparada de diversas formas, cozida ou em saladas.

 
Nota: As informações e sugestões contidas neste site são meramente informativas e não devem substituir consultas com médicos especialistas.
 
Fonte: eatthis.com
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: