header print

Alérgenos da Carne Vermelha Aumentam Risco de Doença Cardíaca

 Cada vez mais, a carne vermelha tem sido associada a doenças cardíacas, e, dessa vez, um novo estudo mostrou que os alérgenos encontrados na carne vermelha estão ligados ao acúmulo de placas nas artérias do coração humano. Há muito tempo se sabe que as gorduras saturadas da carne vermelha são responsáveis por doenças cardíacas em indivíduos em todo o mundo, mas o novo estudo marca a primeira vez que os alérgenos podem realmente aumentar o risco de contração cardíaca.

O estudo publicado no periódico científico 'Arteriosclerosis, Thrombosis e Vascular Biology' foi conduzido em Charlottesville (Estados Unidos), na Universidade do Sistema de Saúde da Virgínia, e esclareceu como os alérgenos na carne vermelha afetam a saúde humana.

 
perigos da carne vermelha

A principal pesquisadora, Coleen McNamara, afirmou: “Esta descoberta recente de um pequeno grupo de indivíduos da Virginia levanta a intrigante possibilidade de que a alergia à carne vermelha possa ser um fator pouco reconhecido na doença cardíaca. Essas descobertas preliminares ressaltam a necessidade de mais estudos clínicos em populações maiores de diversas regiões geográficas e trabalhos laboratoriais adicionais”.

Acredita-se que cerca de 1% de todas as pessoas sejam alérgicas à carne vermelha, e acredita-se que até 20% de todas as pessoas sejam alérgicas à carne vermelha, mas não apresentam nenhum sintoma de alergia. Muitos estudos sobre alergias alimentares foram realizados no passado, com todos eles relacionando a causa de alergias alimentares a uma reação alérgica letal chamada anafilaxia, que é responsável pela constrição das vias aéreas, o que, por sua vez, faz com que a pressão arterial caia de maneira perigosa.

Outro estudo relacionado a alérgenos, publicado em 2017, revelou que a alergia ocorre por causa da presença de alfa-gal 3, que também é conhecida como 3-galactose ou galactose-α-1. É uma molécula de açúcar comumente encontrada em carne de porco, carne bovina, cordeiro e outros tipos de carne vermelha.

perigos da carne vermelha
 

Uma constatação bastante alarmante da pesquisa é que as alergias causadas pelo consumo de carne vermelha geralmente aumentam de três a seis horas após a ingestão, ou seja, você pode não perceber imediatamente os efeitos da alergia, levando mais tempo do que deveria para procurar tratamento.

Mais estudos são necessários para substanciar esses achados iniciais, no entanto, eles já forneceram incentivo para o desenvolvimento de uma nova abordagem para prevenção e tratamento de doenças cardíacas em um subgrupo de pessoas sensíveis à carne vermelha.

A pesquisa deixa claro que o consumo de carne vermelha pode ser considerado como fator fundamental para o risco dietético de doenças cardiometabólicas. As condições também podem ser agravadas pela extensão do processamento de carne, o período de preservação e os tipos de preservação necessários.

Fonte e Imagens 

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade