header print

7 Motivos Para a Sua Dor de Dente

Doenças na boca são muito incômodas e difíceis de tratar. Por ser uma região sempre úmida e ácida por causa da saliva, é preciso ter cuidado redobrado com a saúde da boca em geral, e isso inclui dentes, gengivas e a língua.

E muitas vezes estamos com a boca relativamente saudável, com as consultas do dentista em ordem, mas vez ou outra surge um problema ou uma dor, e muitos se desesperam só de pensar em ter que ir ao consultório do dentista mais uma vez. Nem sempre as dores são causadas por cáries, fraturas dentárias ou feridas. Você pode estar fazendo alguma coisa errada no seu dia a dia que deixa sua boca mais sensível. Vamos mostrar aqui sete causas que podem estar ocasionando seus problemas. Confira.

 
 
 

1. Muita força ao escovar os dentes

É claro que você quer manter seus dentes limpinhos, mas preste atenção ao escová-los. Não pressione a escova com força sobre os dentes e não faça os movimentos com muita rapidez, pois isso pode ocasionar problemas — e dores. Ao forçar a escovação, você está na verdade desgastando a estrutura do dente, além de machucar as gengivas, que são muito finas. Preste atenção nos sintomas: se você tem muita sensibilidade ao ingerir alimentos e bebidas geladas, essa pode ser a causa. Por isso, escove os dentes com movimentos contínuos, mas suaves. Uma escova elétrica é ótima para limpar regiões mais difíceis nos cantos e no fundo da boca.
 

2. Doença nas gengivas

Trata-se de periodontite, uma doença infecto-inflamatória nos tecidos de suporte e sustentação dos dentes. Muitas pessoas têm esse problema e não sabem. Quando os dentes começam a doer, isso significa que a doença silenciosamente se espalhou pela boca, e é preciso tratá-la com urgência, pois ela faz com que haja perda de inserção do ligamento periodontal e, com isso, destrói o tecido ósseo.

Mas esta não é a única doença que acomete as gengivas. Existem outas diversas inflamações que podem acometê-las, não tão graves quando a periodontite, mas também bastante delicadas. Se você estiver com alguma dor, verifique se há bolhas ou vermelhidão nas gengivas. Essas inflamações, se não tratadas a tempo, podem causar ainda mais dor e encadear doenças mais graves, como abcesso dentário, que, além de doloroso, deve ser tratado com antibióticos.
 

3. Pequenas fraturas

Agora você pode alegar: "Ah, mas eu sei quando isso acontece e já corro para o dentista". Nem sempre. Em alguns casos, as pessoas têm traumas dentários que datam de anos e sequer sabem que existem. As causas podem ser diversas, como algum acidente sofrido há alguns anos, ou ter forçado os dentes e a mandíbula para morder e mastigar algum alimento muito duro, ou até mesmo ter batido a boca em algum lugar, em pequenos acidentes corriqueiros do dia a dia. Com o passar do tempo, essa fratura até então invisível começa a inflamar, e a dor surge quando o dente já está bastante sensibilizado e atingiu os nervos dentários. O ideal é pedir um exame de radiografia para este caso.

 

4. Sinusite

A sinusite acomete os seios da face, causando dor, desconforto e inchaço no rosto, mas quando a pessoa tem uma forte crise da doença, pode atingir até mesmo os dentes superiores, pois a inflamação pode causar sensibilidade nas raízes, o que ocasiona dor. Nesse caso não é preciso ir ao dentista, e sim procurar um médico que cuide adequadamente desse problema. Para aliviar a dor, tente um descongestionante nasal.
 

5. Forçar ou ranger os dentes

Muitas pessoas têm esse problema e não sabem. Você pode não perceber, mas pode estar forçando a mandíbula durante o dia, pressionando os dentes com muita força, tensionando a mandíbula e, consequentemente, com dores. Muitas pessoas fazem isso quando estão dormindo, ou até mesmo ranger os dentes. Trata-se de uma doença chamada bruxismo. Se você também sofre com dores de cabeça, talvez sofra de bruxismo. Este problema deve ser tratado com o dentista e, se possível, com outro profissional de saúde, pois muitas vezes essa doença é consequência de uma vida agitada e problemas psicológicos, como ansiedade e depressão.
 
 

6. Passou por recentes procedimentos dentários

Você foi recentemente ao dentista para fazer algum procedimento, seja para tratar uma cárie, canal ou até mesmo uma limpeza cotidiana. Por ser uma área muito sensível, você pode sentir dor por alguns dias ou até mesmo mais de uma semana. Nesses casos, o ideal é evitar alimentos que sejam mais difíceis de mastigar ou até mesmo tomar algum remédio para aliviar a dor. Evite também alimentos com extremos de temperatura, tanto muito quentes quanto gelados. Mas se o problema persistir, não hesite em contatar o seu dentista novamente.
 

7. Dente quebrado

Nossos dentes são fortes, mas isso não significa que você não tenha que ter cuidado. Você pode quebrar um dente ao morder um alimento muito duro, por exemplo. Quantas pessoas já não passaram por isso ao tentar morder uma maçã do amor?Além disso, pequenos acidentes também podem causar fraturas dentárias, por isso é bom ficar atento. Se a fratura for muito grande, a dor pode ser imediata, mas em alguns casos a dor surge ao ingerir uma bebida muito gelada, que atinge a raiz. Neste caso, é fundamental procurar um dentista o quanto antes.
 
Fonte: prevention.com

 

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: