header print

8 Sintomas Precoces do Mal de Parkinson

Doenças degenerativas, tais como os males de Alzheimer e de Parkinson representam alguns dos maiores desafios dos cientistas e pesquisadores atualmente. Essas doenças não apenas nos roubam o controle sobre nosso corpo, como também vão, aos poucos, minando a nossa capacidade mental. Como acontece na maioria das doenças, existem melhores chances quando elas são detectadas precocemente, quando então é possível, pelo menos, retardar o seu progresso, e ter esperanças até que sejam encontrados melhores tratamentos. Para que isso aconteça, devemos estar alertas  aos primeiros sintomas e sinais indicativos do Mal de Parkinson.
 
 
Observação: Não entre em pânico caso você tenha um ou mais desses sintomas, pois eles podem estar relacionados a outros problemas. Entretanto, para maior segurança, se você acha que existe uma chance mínima de estar apresentando sinais precoces, por favor, submeta-se a exames - mesmo que seja apenas para sua tranquilidade. Caso você tenha o problema e o detecta precocemente, o prognóstico será muito melhor.
 
Aqui estão 8 sintomas iniciais do Mal de Parkinson:
 
1. Mudança na caligrafia
Se a escrita à mão de uma pessoa começa grande e espaçada e vai ficando pequena e amontoada, isso pode bem ser um sinal de Parkinson. As indicações são letras que ficam menores e palavras emboladas, com letras quase escritas umas sobre as outras. Muitos pacientes levam um tempo maior para escrever e têm problemas com tarefas repetitivas.
 
2. Redução no sentido do olfato
Se alguém, repentinamente, começa a ter problemas para sentir o aroma de comidas temperadas ou para escolher perfumes, é melhor consultar o médico. Na maioria das vezes, a questão é com os seios nasais, e não é, definitivamente, um dos mais óbvios sinais de Parkinson. Porém, os médicos dizem que pacientes com Parkinson comentam que este foi o primeiro sinal que eles tiveram da doença. Ainda que nenhuma pesquisa tenha encontrado a ligação entre o sintoma e a doença, existe uma teoria de que certas proteínas formam agrupamentos no cérebro, que podem estar localizados na área olfativa, reduzindo, assim o olfato.
 
 
 
3. Problemas para dormir
Outro sintoma que pode facilmente ser ignorado por ser tão comum a tantos outros problemas. Porém, se você sempre dormiu bem mas, repentinamente, começou a mexer-se e remexer-se na cama, mover e sacudir braços e pernas durante o sono, ou até mesmo acordar no chão por ter caído da cama, há algo anormal. Pergunte ao seu parceiro/cônjuge se você está se movendo muito à noite, e, caso a situação persista, consulte um médico.
 
 
 
4. Um tom de voz mais baixo ou uma fisionomia inexpressiva
Voz baixa e suave e face inexpressiva são sinais comuns de Parkinson. Algumas pessoas não notarão que estão falando mais baixo e, definitivamente, não irão notar sua face perdendo a expressão. Portanto, cabe às pessoas ao seu redor estarem alertas quanto a esses sinais. Falar muito rápido ou gaguejar muito também são sintomas.
 
 
 
5. Depressão
Obviamente, muitos pacientes ficam deprimidos ao saber que estão com Mal de Parkinson, mas existe uma conexão física entre a deterioração que acompanha essa doença e a depressão. Alguns pacientes deprimem anos antes do aparecimento dos outros sintomas do problema. Secreções de serotonina e dopamina abaixo do normal - que são os neurotransmissores envolvidos em várias funções do corpo e também do humor - podem causar este efeito.
 
 
 
6. Constipação intestinal 
Se você nota que os seus movimentos intestinais ficaram seriamente reduzidos, às vezes, por mais de um dia, isto não é um bom  sinal. Pode não ser Parkinson, mas você deveria ir ao médico para ver o que se passa. A doença tem efeito no sistema nervoso autônomo, responsável pelas funções corporais executadas inconscientemente, tais como o processo digestivo e funções dos intestinos. A constipação, em si, não é razão para preocupação. Porém, se vier com outros sintomas desta lista, vá ao médico imediatamente.
 
7. Tremores quando você está perfeitamente relaxado
É perfeitamente normal que tenhamos tremores sob certas circunstâncias, como quando estamos empolgados ou ansiosos, recém fizemos exercícios ou nos sentimos inquietos. Porém, pequenos tremores nas mãos ou dedos, no queixo, nos lábios ou nos braços e pernas quando estamos em repouso podem ser um forte sinal de Parkinson. Esse sintoma surge em 70% dos pacientes e pode tornar-se mais perceptível em momentos de estresse ou empolgação. Embora esse sintoma apareça DEPOIS de todos os outros desta lista, é o primeiro a ser realmente notado, pois todos os outros podem ter outras causas.
 
 
 
8. Rigidez e lentidão nos movimentos
Rigidez nas articulações e fraqueza muscular que não aliviam nem melhoram significam más notícias. De repente, as tarefas diárias como abotoar sua camisa, caminhar ou arrumar coisas pela casa se tornam desconfortáveis e difíceis. Você para de balançar os braços enquanto caminha, e suas pernas e pés parecem pregados no chão. Se você começa a hesitar antes de subir degraus, ou as pessoas comentam que você parece estar com dor - por favor, consulte um médico. 
Fonte: Ariel L.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: