header print

14 Bizarros e desconhecidos vícios

O Editor: Anna Davidson
 As palavra "dependência" e "vício" são mais frequentemente associadas a distúrbios do uso de drogas ou álcool, que é, reconhecidamente, um dos vícios mais difundidos socialmente. Na realidade, atividades e até emoções, e não apenas substâncias como drogas, álcool ou certos alimentos, podem ser viciantes. Mas essas são todas as notícias antigas para a maioria de vocês, que provavelmente já ouviram falar de vícios em compras e em computadores, ou tricotilomania - o desejo obsessivo de arrancar seus próprios cabelos, os quais são exemplos generalizados de comportamentos viciantes.
As pessoas que sofrem de dependência não estão no controle de suas ações, e as razões para essa perda de controle são genéticas, neurológicas e psicológicas. No entanto, a complexa ciência do vício não é o que focaremos neste artigo. Em vez disso, veremos 14 das dependências mais bizarras, porém reais, que as pessoas podem vir a desenvolver.

1. Cartomancia

Bizarros e desconhecidos vícios Cartomancia
Vamos começar esta lista com um dos vícios mais bizarros que se possa imaginar - a dependência de serviços frequentes de previsão do futuro. O único caso registrado de vício em adivinhação foi mencionado em um estudo de caso de 2015 sobre uma mulher de 45 anos chamada Helen, que recorreu a um adivinho por telefone por mais de uma década, muitas vezes ligando todos os dias, às vezes, até 8 horas por dia.
Esse comportamento causou problemas financeiros para Helen, que admite que costuma telefonar para saber sobre detalhes menores e sem importância porque sente que precisa conhecer a decisão "certa". Seu caso preenche todos os requisitos da dependência, e Helen está em tratamento há um bom tempo.

2. Uso de spray nasal sem receita

Bizarros e desconhecidos vícios usar spray nasal
Embora não seja um vício em termos científicos, os sprays nasais sem receita, como os descongestionantes e até os de água salgada, podem fazer com que seu corpo dependa disso. Isto é especialmente verdade quando se trata de pessoas que sofrem de alergias sazonais, que se tornam fortemente dependentes do spray nasal, usando-o várias vezes ao dia.
Esse uso prolongado de sprays nasais pode causar congestão de rebote - o agravamento da congestão nasal após o uso frequente de sprays nasais de venda livre. A pior parte desse fenômeno é que, com o tempo, o spray se tornará eficaz por cada vez menos tempo, fazendo com que você o use cada vez mais frequentemente. É exatamente por isso que os médicos recomendam recorrer a esses sprays nasais apenas em casos especiais e usá-los por apenas alguns dias. A única maneira de interromper o círculo vicioso é parar de usar o spray completamente.

3. Ser rejeitado(a)

Bizarros e desconhecidos vícios rejeiçãoMuitos de nós buscam amor e compaixão em um relacionamento, e a perda ou rejeição por um parceiro geralmente é a causa de tristeza e até depressão. Mas para algumas pessoas, o sentimento mais procurado é o de ser rejeitado.
De fato, estudos de imagem cerebral mostram que a perda estimula regiões cerebrais associadas à motivação e recompensa (as mesmas regiões que o desejo por drogas), o que diz aos pesquisadores que os participantes são viciados em sentimentos e pensamentos sobre seus ex-parceiros românticos. Para essas pessoas, o objetivo final é o amor não correspondido.​

4. Submeter-se a cirurgias plásticas

Bizarros e desconhecidos vícios cirurgias plásticas
Fonte da Imagem: Reddit
O vício em cirurgia plástica é provavelmente um dos mais conhecidos do grupo. No entanto, poucas pessoas entendem a profundidade desse problema. Os cientistas acreditam que a condição é um sintoma de distúrbio dismórfico do corpo, que também é a causa de distúrbios alimentares, como anorexia ou bulimia.
Os pacientes que sofrem dessa condição percebem várias falhas menores em sua aparência como uma razão para evitar situações sociais e pensam constantemente sobre essas 'falhas', reais ou não, tanto que interferem na satisfação e na vida diária. Alguns desses pacientes recorrem a uma sequência interminável de cirurgias estéticas como forma de obter a aparência desejada, sem perceber que sua autopercepção e não a aparência são o problema real.

5. Comer cenouras

Bizarros e desconhecidos vícios cenouras
Apostamos que você não sabia dessa, mas é verdade que comer cenoura pode ser viciante, pelo menos para algumas pessoas. Cientistas da Nova Zelândia descobriram que os pacientes podem exibir comportamentos viciantes ao comer cenouras, e sabem até o porquê. Os pesquisadores acreditam que é o beta-caroteno, o antioxidante que dá às cenouras a tonalidade alaranjada, que pode ser viciante, pois é capaz de imitar os mesmos elementos aditivos encontrados na nicotina.
Então, acontece que mastigar uma cenoura pode se tornar igualmente viciante como fumar. Embora o vício em cenoura possa ser mais saudável do que fumar, causa os mesmos sintomas de abstinência: irritabilidade, nervosismo, desejos e até insônia.

6. Jogar video games

Bizarros e desconhecidos vícios jogar  videogames
A mídia e as pesquisas médicas estão em polvorosa sobre o "vício em videogames" há algum tempo, mas foi apenas recentemente, em 2018, que a Organização Mundial da Saúde começou a reconhecê-lo como uma condição diagnosticável. Porém, antes de se apressar em arrancar o joystick das mãozinhas de seus filhos ou netos, considere o seguinte:
Como em muitos vícios, o uso moderado e a capacidade de manter uma vida saudável e plena são sinais de que seus entes queridos estão bem, pois não se qualificam para os critérios de vício. É quando a vida social, a educação, a ocupação e os relacionamentos de uma pessoa ficam ameaçados pelos jogos por um período de mais de 12 meses que você deve começar a se preocupar com seus hábitos de jogo.

7. Comer terra

Bizarros e desconhecidos vícios terra suja
A geofagia, ou o hábito de comer terra, areia ou argila, é uma condição surpreendentemente antiga, com os primeiros registrodo vício remontando a 460 aEC, de médicos romanos antigos informando sobre a doença. Curiosamente, esse vício pode ocorrer por muitas razões médicas, desde psicológicas até efeitos colaterais da gravidez e até mesmo um sinal de anemia por deficiência de ferro.
Do ponto de vista do vício, a geofagia é um subtipo do consumo persistente de substâncias que não têm valor nutricional. Outros exemplos incluem comer pedras e cabelos, os quais podem ser bastante perigosos, como você pode imaginar.

8. Praticar exercícios

Bizarros e desconhecidos vícios fazer exercícios
O vício em exercícios está entre os mais difundidos, com um milhão estimado de americanos sozinhos sofrendo com o vício. Enquanto alguns certamente brincam dizendo que 'desejam' ter esse distúrbio, o que torna o vício em exercícios perigoso é o grau em que os pacientes dependem de suas sessões de treino.
As pessoas com esse vício geralmente ficam realmente ansiosas toda vez que perdem um treino ou continuam a se exercitar devido a doenças e lesões. Como o vício em cirurgia estética, o vício em exercícios pode ocorrer devido a um problema subjacente de auto-imagem ou distúrbio dismórfico do corpo.

9. Hackear

Bizarros e desconhecidos vícios hackear
Não nos entenda mal, mas  consideramos o cyber hacking é uma ofensa criminal, pois os hackers ganham dinheiro ilegalmente e controlam suas vítimas. Ao mesmo tempo, podemos soar um pouco severos demais para alguns hackers, pois muitos deles não são capazes de controlar seus maus hábitos.
Alguns pesquisadores acreditam que o hacking compulsivo, especialmente os casos não associados a altas recompensas em informações monetárias ou cruciais - o tipo mais comum em adolescentes - deve realmente ser classificado como Transtorno de Dependência da Internet e tratado clinicamente. Houve até um famoso caso na corte européia de um hacker sendo inocentado de todas as acusações quando o júri estabeleceu que ele era viciado em hacking.

10. Banhos de água sanitária

Bizarros e desconhecidos vícios banhos de cloro
Se você ficou pasmo depois de ler a combinação de palavras "banho de água sanitária", não está sozinho. No entanto, a noção de banhos de água sanitária é realmente menos estranha do que você imagina, já que às vezes é recomendado que as pessoas que sofrem de eczema crônico (dermatite atópica) tomem banhos com uma quantidade muito pequena de alvejante para aliviar a coceira e a irritação que acompanham a aparição de eczema (Observação: Não use este método sem a supervisão do seu médico).
Ainda assim, para a maioria dos que sofrem de eczema, um banho de água sanitária não é uma experiência agradável. Por outro lado, Gloria, que foi destaque na série de TV 'My Strange Addiction', não é igial à maioria das pessoas. A mulher de 30 anos diz que limpa toda a casa com água sanitária todos os dias. Além disso, Gloria toma um relaxante banho de alvejante todas as manhãs. A mulher consome 300 litros de água sanitária por ano e se recusa a parar de usar água sanitária, apesar de irritar a pele e os olhos e arruinar muitas de suas roupas e móveis.

11. Comer giz

Bizarros e desconhecidos vícios comer giz
Você também tinha aquele garoto estranho na sala que sempre comia giz? Em caso afirmativo, não se surpreenda, pois o vício em giz é um dos tipos mais comuns do impulso de comer objetos não comestíveis. Alguns acreditam que comer giz também pode ser um sinal de uma deficiência de nutrientes subjacente, como uma deficiência de zinco ou ferro.
Lembre-se, embora o giz seja considerado não tóxico, normalmente é altamente contaminado com tudo, desde excrementos de ratos a insetos mortos, produtos químicos e partículas de metal, por isso é um vício muito perigoso.

12. Bronzeamento artificial

Bizarros e desconhecidos vícios bronzeamento
Camas de bronzeamento artificial são bastante prejudiciais para você, pois podem causar câncer de pele. Mas acontece que elas também são altamente viciantes. A tanorexia, como é conhecido o vício, pode ser, em parte, resultado de um distúrbio dismórfico do corpo, mas isso é apenas metade da história.
Um estudo de 2011 também descobriu que a exposição aos raios UV em camas de bronzeamento também pode desencadear a liberação de endorfinas no cérebro. Como resultado, o paciente se sente bem-aventurado após uma sessão de bronzeamento e é incentivado pelos 'hormônios da felicidade' a retornar ao salão para mais sessões.

13. Ser picado por abelhas

Bizarros e desconhecidos vícios picada de abelhas

A maioria de nós tem medo de ser picada por uma abelha. Alguns são até alérgicos a picadas de abelha. Mas Margaret, uma mulher de 50 anos, é viciada no processo. Seu vício já dura mais de 10 anos e começou como uma sessão de terapia com veneno de abelha para aliviar a dor da artrite (Atenção! A terapia com veneno de abelha não é um método recomendado contra a artrite e é muito perigosa e potencialmente mortal).

Margaret aceita com prazer picadas de abelha nos quadris, tornozelos, cotovelos, dedos, testa e até nariz, e recebe de 15 a 20 picadas de cada vez.

14. Comer cacos de vidro

Bizarros e desconhecidos vícios comer cacos de vidros
Certamente, um dos vícios mais chocantes que se pode ter é a hialofagia - a necessidade de comer objetos ou fragmentos de vidro. Como você pode imaginar, é um vício extremamente perigoso, pois os fragmentos de vidro não podem ser digeridos e podem facilmente cortar os órgãos digestivos, possivelmente causando até um sangramento interno grave.
Ainda assim, as pessoas que sofrem dessa condição não conseguem parar com o desejo de comer vidro. De certa forma, essa condição muito perigosa exemplifica como todos os vícios não são uma falta de autocontrole ou força de vontade, mas uma doença real e, muitas vezes, aterradora.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade