header print

Notáveis Descobertas Científicas Recentes

 

Nas últimas décadas, a ciência e a tecnologia têm feito grandes progressos, surpreendendo-nos com novas descobertas e invenções que podem revolucionar o futuro dos seres humanos. Estas são sete descobertas da semana para ajudar você a imaginar o mundo de amanhã. Confira!

1. Novos tipos de próteses permitem que seus usuários "sintam"
descobertas, ciências

AFP

O desenvolvimento de uma nova prótese de perna, concebido pelo Professor Hubert Egger, da Universidade Austríaca de Linz, poderá permitir que uma pessoa amputada experimente algumas das sensações que normalmente são sentidas no pé. Embora este mecanismo de "sensibilidade" ainda tenha que ser aperfeiçoado, voluntários que o testaram disseram ter sido capazes de distinguir se uma superfície é rugosa, lisa ou escorregadia. Esta nova tecnologia poderrá permitir que os pacientes tenham a sua rotina diária facilitada, aliviando também os sintomas da "síndrome do membro fantasma", caracterizada pela sensação de que um membro amputado ainda está ligado ao corpo.

 
2. Os EUA logo terão capacidade de empregar energia 100% renovável
descobertas, ciências

Uma equipe de engenheiros da Universidade de Stanford, realizou um estudo aprofundado para garantir que, até 2050, os Estados Unidos deixem de ser um país dependente da energia fóssil, passando a ser um país consumidor de energia  100%  renovável. A equipe conduziu análises e cálculos dos requisitos necessários para substituir os sistemas dependentes da energia fóssil por energia elétrica utilizando fontes de energia renováveis, como turbinas eólicas, usinas hidrelétricas e energia geotérmica. Embora possa ser concluído em 2050, este projeto ainda não tem apoio suficiente por parte do governo norte-americano.

 

3. Glóbulos Vermelhos com 75 milhões de anos de idade foram encontrados em um fóssil
descobertas, ciências
Sergio Bertazzo

Cientistas afirmam ter descoberto as células vermelhas do sangue de um dinossauro 75 milhões anos, examinando fósseis com um poderoso microscópio eletrônico e um espectrômetro de massa. Caso a descoberta seja confirmada, poderíamos ter um "Jurassic Park" na vida real?

 

4. A sonda espacial Lander Philae voltou a aparecer
descobertas, ciências

ESA

Em dezembro de 2014, pela primeira vez, a Agência Espacial Europeia conseguiu pousar uma nave espacial no cometa Churyumov-Gerasimenko. Devido a um erro durante a aterrissagem, a sonda Philae desembarcou em uma área não exposta à luz solar, ficando impossibilitada de usar este tipo de energia para recarregar suas baterias. Após 60 horas, a carga das baterias da Philae acabou, fazendo com que ela perdesse todo o contato com a Terra. No entanto, em 13 de junho passado, a Agência Espacial Europeia recebeu novos sinais da área onde está Philae, indicando que as suas baterias estão carregadas e funcionando bem.

5. Cientistas injetam implantes eletrônicos no cérebro

descobertas, ciências
Lieber Research Group / Harvard University

Apesar de soar como um filme de ficção científica, este fato é real. Um grupo de pesquisadores da Universidade de Harvard desenvolveu pequenas redes eletrônicas que foram injetadas nos cérebros de ratos, a fim de monitorar sua atividade biológica. A agulha utilizada neste procedimento foi de 0,1 mm de diâmetro, que é igual a 1/8 do tamanho das agulhas usadas em análises de sangue. Os cientistas esperam que um dia, este dispositivo possa ser utilizado no tratamento de doenças neurológicas e danos cerebrais em humanos.

 

6. Chimpanzés gostam de álcool
descobertas, ciências
Source

Na República da Guiné, na África Ocidental, muitas pessoas têm avistado chimpanzés bebendo tuba, uma bebida exótica feita do tronco do coqueiro. Os habitantes locais preparam esta mistura tradicional fazendo talhos nos troncos dos coqueiros, dos quais escorre uma seiva doce, que é posta para fermentar. A população local de chimpanzés descobriu esse processo e começou a “assaltar a destilaria”. Vários casos de chimpanzés embriagados já foram registrados.

 

7. Um pequeno dinossauro carnívoro foi descoberto em Gales
descobertas, ciências

Bob Nicholls / National Museum of Wales

Nick e Rob Hanigan, dois caçadores de fósseis, descobriram o esqueleto de um dinossauro enquanto atravessavam o Vale de Glamorgan, no País de Gales. O tamanho deste dinossauro, pertencente à família dos Terópodes, era de aproximadamente 50cm de comprimento. Acredita-se que a origem desta espécie remonte a 201 milhões de anos passados.

H/T: iflscience.com
Fonte: Alberto E.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: