header print

Boas Notícias do Mundo Atual

 Ultimamente, assistir o noticiário tem nos deixado com um péssimo sentimento de que somente coisas ruins estão acontecendo no mundo, pois parece que é somente isso que a mídia faz questão de mostrar. Entretanto, você vai gostar de saber que há muitas coisas positivas e extraordinárias acontecendo no mundo ao nosso redor neste momento, e aqui separamos 7 delas para você: 
 
1. Será possível transformar água do mar em potável a partir de uma peneira à base de grafeno
mundo atual

Em abril do ano passado, uma equipe de cientistas alcançou um grande avanço na busca para remover sal da água do mar através do uso de uma membrana de óxido de grafeno. Atualmente, esse procedimento só está sendo usado em laboratório, mas mostra que em breve poderemos obter um dos nossos recursos mais escassos – água potável a partir de um dos elementos mais abundantes: a água do mar.


2. Um dano cerebral de 2 anos foi revertido com sucesso

Pesquisadores dos Estados Unidos relataram a primeira inversão de dano cerebral, que ocorreu quando uma menina de dois anos se afogou em uma piscina e, eventualmente, ressuscitou depois que seu coração parou de bater independentemente por cerca de 2 horas. A criança sofria de atrofia cerebral e lesão de matéria cinzenta profunda devido à falta de oxigênio em seu cérebro.

Como resultado, ela não conseguia andar, falar ou responder a comandos, e tudo o que ela podia fazer era balançar a cabeça e ter convulsões incontroláveis. Incrivelmente, uma equipe da Universidade de Dakota do Norte e a Universidade Estadual de Louisiana conseguiu reverter significativamente o dano cerebral por meio de um curso de tratamentos de oxigênio, um dos quais era oxigenoterapia hiperbárica (HBOT). Saiba mais sobre esse caso aqui.

3. A fusão nuclear sustentável está às portas
mundo atual

A fusão nuclear pode ser a melhor solução para o nosso planeta produzir um fornecimento praticamente ilimitado de energia com poucos subprodutos, além da água salgada. Para a frustração dos cientistas, eles sempre acharam muito difícil inventar uma máquina capaz de suportar de forma confiável uma reação química tão enorme. No entanto, tudo isso parece estar mudando, já que, no final de 2015, um gigantesco reator de fusão nuclear foi ativado na Alemanha, que desde então conseguiu conter com sucesso uma gota de fogo de plasma de hidrogênio.

A Alemanha também não está sozinha, já que a China e a Coreia do Sul obtiveram resultados semelhantes de suas próprias máquinas de fusão. Um tipo inovador de reator também foi ativado no Reino Unido, o que é notavelmente capaz de gerar de forma sustentável plasma dentro do seu núcleo. Devido a todos esses avanços espetaculares, cientistas do MIT (Instituo de Tecnologia de Massachusetts) preveem que a energia de fusão estará em atividade até 2030.

 

4. Seremos capazes de “ouvir” o universo

Muitas pessoas estão conscientes do enorme avanço da onda gravitacional de 2015, mas muitos não sabem que conseguimos detectar pelo menos mais dois, desde então. Graças a uma nova série de detectores espaciais conhecidos como LISA, até 2034 devemos ser capazes de testar uma infinidade de teorias científicas loucas, incluindo a hipótese de que nosso Universo contenha múltiplas dimensões.

5. Em breve, mais uma doença será erradicada do nosso planeta
mundo atual

A raça humana já foi capaz de eliminar a varíola com sucesso. Agora, em breve, poderemos erradicar a doença do verme-da-guiné, que agonizantemente entra em erupção sob a pele das pessoas. No início de 2015, apenas 126 casos ainda existiam no planeta. Isto graças ao desenvolvimento de um filtro de palha simples e barato, que impede a contaminação pela água aconteça. Incrivelmente, a partir de maio de 2017, apenas 5 casos da doença foram relatados globalmente.

6. A cura para a poliomielite também está a caminho

Em 1988, foi lançada a Iniciativa Global de Erradicação da Poliomielite, que resultou em uma diminuição de 99,9% na incidência global de poliomielite, principalmente devido a um impulso de vacinação importante. Em 2016, havia apenas 19 casos relatados do vírus, com apenas oito aparecendo em 2017 até agora.

7. Estamos muito perto de ter medicamentos que podem curar os sintomas do autismo

Recentemente, um pequeno teste clínico, mas extremamente promissor nos Estados Unidos, mostrou como uma droga de 100 anos chamada suramina é capaz de reduzir significativamente os sintomas das crianças portadoras da desordem do espectro autista (ASD). Embora ainda haja muita experiência e pesquisa a ser realizada, a humanidade está cada vez mais próxima de tratar corretamente os sintomas de ASD.

 

Fonte: Science Alert
Imagens: 1, 3, 2
Imagem de Capa

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: