header print

5 Coisas Que Farão Você Se Ver Com Outros Olhos

 Acho que todos nós, em algum momento da vida, nos olhamos no espelho e ficamos imaginando como seria se nosso abdôme fosse definido, se o nariz fosse mais fino e se nossas rugas simplesmente desaparecessem. Todos nós temos esses momentos de insatisfação com a nossa aparência externa e, como resultado, ficamos de mau humor ou começamos a mudar algumas coisas e abandonamos tudo na metade do caminho.
 
Há quem gaste rios de dinheiro e acabe com a saúde apenas para atender às expectativas impostas pela sociedade. Estas atitudes estão fadadas ao fracasso. Você precisa se aceitar como você é. E para isso, leia as cinco seções a seguir com muita atenção. Elas vão ajudar você a entender o quão inútil é a jornada para o "corpo perfeito" e o ajudará a iniciar sua jornada em direção à aceitação e ao amor-próprio.
 
autoestima e segurança
 
1. Os padrões de beleza que vivemos hoje são absurdos
Durante anos e anos, a mídia mundial construiu um ideal extravagante de como homens e mulheres perfeitos devem ser. Isso é feito por meio de publicidade, outdoors e celebridades que definem tendências da moda, cujo único propósito é ditar para todos nós o que é bonito e o que não é, sendo que esses indicadores não condizem com a realidade. Por quê? Porque não existe um "corpo perfeito", e a tentativa de determinar um é algo muito superficial e inatingível. Mesmo os modelos da vida real não se parecem com as fotos que vão para as revistas, já que a maioria dos anúncios são cheios de Photoshop.
 
 A pressão de estar a todo momento em busca do padrão perfeito de beleza complica a vida de muitos de nós, e assim achamos que há algo de errado conosco. Pensamos que não somos bonitos o suficiente, que somos altos demais, baixos demais ou implicamos com qualquer outra coisa em nós diferente de modelos de outdoors que parecem estar gritando: "Você não é bom o suficiente". As pessoas da indústria da beleza querem que você acredite que a sua beleza não é suficiente, porque quanto mais produtos você comprar para passar a "ser bonito", mais ricos eles se tornam. Seu objetivo é fazer com que você se sinta insatisfeito com seu corpo para aumentar as vendas deles, seja com soluções para perda de peso, com roupas da moda ou maquiagem.
 
Em vez de se concentrar na "beleza" que aparece nos modelos de anúncios e revistas, concentre-se na beleza que há no mundo ao seu redor. Lembre-se de que por trás de cada anúncio há uma pessoa que pensa: "Como faço para as pessoas comprarem o que eu vendo?" Entenda que a maneira da indústria da beleza de fazer isso é incutir em nossa mente que não somos bonitos. Não dê esse poder a eles!
autoestima e segurança
2. Você pode aceitar as partes do seu corpo que você odeia
Na maioria das vezes, nos privamos de alguns prazeres da vida por causa de um sentimento de culpa nos dizendo que não deveríamos estar tão satisfeitos assim. De repente, certas coisas normais da vida se tornam "recompensas" que precisamos evitar mais do que aproveitar. Para cada um é de uma forma, mas um exemplo comum é quando uma pessoa deixa de ir à praia só porque está com alguns quilos a mais ou quando essa pessoa não compra roupas novas até conseguir emagrecer. 
 
O primeiro passo para uma atitude mais positiva em relação à sua aparência externa é aceitar e internalizar o fato de que sempre vai haver alguma parte do seu corpo da qual você não vai gostar. O ponto, então, é aceitar essa insatisfação com compreensão, e não deixar que isso impeça você de fazer as coisas que deseja. Alguns de vocês provavelmente estão pensando: "É fácil dizer, mas com uma barriga enorme que nem a minha, é difícil pensar assim", mas a questão é: você tentou?
 
Assim como você aceita seus amigos ou parceiros apesar dos defeitos deles (até porque ninguém é perfeito), você tem que se aceitar sabendo que há coisas que gostaria de mudar em você, mas apesar disso precisa conviver com elas. Permita-se amar o seu próprio corpo, apesar das partes que você gostaria de mudar. E o mais importante: ame a vida mais do que a insatisfação que tem com o seu corpo. Saiba que quase todas as pessoas lidam com sua aparência externa e com coisas de que não gostam, no entanto, recebemos apenas um corpo para viver e, portanto, isso não deve afetar seu nível de felicidade.
autoestima e segurança
 
3. Sentir-se nada atraente, quem nunca?
Todos nós temos momentos de fraqueza em que vemos tudo com olhos críticos além da conta vendo tudo de forma ainda pior. São momentos ruins em que nos sentimos feios e pouco atraentes. Nos dias em que você olha no espelho e não vê nada de positivo em sua aparência, precisa se lembrar de que está olhando para uma pessoa que é amada por várias pessoas: pais, cônjuge, amigos e filhos. Além disso, lembre-se de que cada pequena ruga é expressão da sabedoria que você adquiriu ao longo dos anos, e cada cicatriz revela a experiência que tem.
 
Quando você tiver dúvidas sobre sua aparência, pare por um momento e faça as seguintes perguntas a si mesmo: "Será que a maneira como eu me vejo afeta meu humor?", "Já dormi o suficiente nas últimas 24 horas?", e "Eu comi corretamente e me exercitei ultimamente?" Essas perguntas são importantes porque vão fazê-lo perceber que sua aparência externa está atrelada à sua energia e saúde, e não ao fato de você estar mais ou menos atraente.
 
4. Seu reflexo no espelho não define quem você é
Quando você se olha no espelho, vê apenas sua aparência exterior, mas há outras coisas que compõem o seu ser. Você tem pensamentos, crenças, esperanças, sonhos e emoções que são muito mais poderosos do que sua aparência externa, mesmo quando se trata de como as pessoas que não o conhecem o veem. É natural que a sua aparência crie uma primeira impressão, e as pessoas acabem julgando você superficialmente depois de uma breve conversa de cinco minutos. Mas não leve isso muito a sério.
 
Às vezes encontramos pessoas com personalidades incríveis e nossos cérebros as consideram bonitas, embora sua aparência não seja perfeita. Em tal situação, não somos atraídos pela beleza externa, mas pela beleza interior, e esse é o tipo de beleza que não pode ser editada com Photoshop ou cirurgia plástica. Pense em todas as pessoas que você conhece com uma atitude positiva e uma alegria contagiante. Se tiver amigos assim, provavelmente descobrirá que qualquer pessoa que os conhece imediatamente se apaixonam, independentemente da aparência deles.
autoestima e segurança
5. Sua percepção da realidade se torna sua realidade
Se você se sentir bonita (o), você será linda (o), e isso não é uma coisa absurda! A beleza não está apenas na sua aparência, mas também na autoconfiança. As pessoas que transmitem confiança são muito mais atraentes do que as pessoas inseguras, e essa confiança só pode ser construída através da forma como você se coloca nas situações.
Pense na história que você está vivendo agora. Você tem seguido os seus próprios planos e projetos ou coisas determinadas por seus pais, amigos ou mídia? Desde o momento em que você nasceu, recebeu mensagens positivas e negativas do ambiente aos eu redor sobre tudo no mundo. Essas mensagens se tornaram, ao longo do tempo, suas crenças e você age como se essas verdades fossem universais. Entenda: coisas em que você acredita se tornam sua realidade e determinam sua identidade.

 
Toda vez que você conta uma história sobre si mesmo, começa com a palavra "eu", mas precisa se perguntar: foi você quem escreveu essa história? Se você é excessivamente crítico em relação a si mesmo e tem baixa autoestima, provavelmente alguém a escreveu e não você. Assuma o controle de sua vida e reescreva sua história da maneira que você gostaria que ela fosse contada.

Alguns conselhos finais
Da próxima vez em que você criticar sua aparência de uma maneira negativa, pare imediatamente, respire fundo e tenha pensamentos leves. Você não precisa ser positivo o tempo todo, mas precisa aprender a se aceitar com naturalidade. Tenha orgulho de seus talentos, habilidades, inteligência e bom coração. E quando aquele pensamento negativo vier sobre você dizendo algo ruim sobre sua aparência, faça o que puder para se lembrar de que sua aparência externa não reflete quem você realmente é. É um processo lento para construir paz entre você e seu corpo, mas necessário, senão você estará numa luta constante consigo mesmo.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade