header print

A surpreendente origem de 9 alimentos bem conhecidos

O Editor: Anna D.

 Quando você está saboreando  seu lanche favorito, já se perguntou como ele surgiu? Bem, a maioria de nós nunca pensou no assunto, certo? Afinal, talvez seja incomum pensar sobre a série de eventos que levaram à criação de um determinado item alimentar. Quem foi aquele gênio que pensou em fazer um sanduíche pela primeira vez? Ou quem fez a primeira cerveja?
Todas essas são perguntas interessantes e, se você se aprofundar um pouco mais, ficará surpreso com as respostas que ir[a obter. Hoje, iremos explorar as origens fascinantes e incomuns de alguns alimentos e bebidas populares. Alguns desses itens têm uma história bizarra e alguns foram descobertos puramente por acidente. Leia para saber mais sobre as origens inesperadas de alguns produtos alimentícios famosos.

 

1. Chá

Descobertas alimentares
O chá é sem dúvida uma das bebidas mais famosas do mundo. Seus efeitos estimulantes ou calmantes tornam-no uma bebida ideal para tomar de manhã ou à tarde.
A história do chá está repleta de vários mitos e lendas. De acordo com a tradição chinesa, a história do chá começou em 2.737 AEC, quando o imperador Shen Nong, um governante eminente e cientista, descobriu o chá por acidente enquanto estava sentado sob uma árvore do chá. A história conta que o imperador estava fervendo água e algumas folhas da árvore caíram em sua panela. Quando Shen Nong tomou um gole da bebida, gostou imensamente do sabor. Mais tarde, o imperador começou a pesquisar mais sobre a planta e descobriu as muitas propriedades medicinais maravilhosas do chá que eventualmente fez o seu caminho para a medicina chinesa antes de evoluir para uma bebida moderna.
Qualquer que seja a lenda, rastrear as raízes originais do chá é extremamente difícil. Embora geralmente se acredite que a planta do chá se originou em algum lugar no sudoeste da China, Tibete e norte da Índia.
2. Café
Descobertas alimentares
Muitos de nós não podemos começar nossa manhã sem uma xícara de café fumegante. Muito parecido com o chá, no entanto, sua história de origem é bastante curiosa. Embora ninguém saiba exatamente como ou quando o café foi descoberto, há muitas lendas sobre sua origem. A mais popular e amplamente aceita é sobre sua descoberta nas antigas florestas de café do planalto etíope. A lenda diz que um pastor de cabras chamado Kaldi foi a primeira pessoa a descobrir as propriedades únicas dos grãos de café.
De acordo com a história, Kaidi percebeu que suas cabras estavam excepcionalmente enérgicas depois de comerem umas frutinhas vermelhas de uma certa árvore. Na verdade, os animais estavam tão energizados que não conseguiam dormir à noite. Curioso para saber mais, o pastor de cabras relatou suas descobertas aos monges de um mosteiro local. Eles passaram a fazer uma bebida com as frutinhas e perceberam que ela os ajudava a ficar acordados para fazer suas orações tarde da noite. Logo, o conhecimento das frutas energizantes começou a se espalhar e o café se tornou uma bebida popular em todo o mundo.

3. Picolé

Descobertas alimentares
Picolés, as guloseimas geladas refrescantes, foram descobertos involuntariamente por um menino de 11 anos na Califórnia chamado Frank W. Epperson. O ano era 1905 e Epperson, enquanto preparava uma limonada na varanda de sua casa, esqueceu-se de um pouco da bebida numa jarra fora de casa e foi dormir. No entanto, quando acordou no dia seguinte, ficou surpreso ao descobrir que a vareta que estava usando para mexer a mistura havia congelado no líquido. O menino, emocionado com sua criação acidental, chamou-o de "um confeito congelado com cabo ou pirulito gelado". Ele solicitou uma patente para sua descoberta única em 1924 e mudou seu nome para ‘Picolé’ (em inglês, popcicle).

4. Chips de batata

Descobertas alimentares
Este saboroso salgadinho foi inventado pelo chef americano George Crum por acidente em 1853. Naquela época, as batatas fritas haviam se tornado bastante populares e eram muito procuradas no Moon Lake Lodge em Saratoga Springs em Nova York, onde Crum trabalhava. Um dia, um cliente irritado reclamou com o chef que suas batatas fritas eram muito grossas.
Para apaziguar o homem, Crum fatiou uma fornada de batatas bem finas, fritou e salgou-as e mandou-as ao freguês. Desta vez, o cliente ficou satisfeito e, naquele momento, a notícia sobre as batatas fritas crocantes se espalhou pela cidade e depois por todo o país. Assim surgiram os "chips" de batatas fritas e se tornaram um dos petiscos mais conhecidos de todos os tempos.

5. O sanduíche

Descobertas alimentares
Quem não gosta de um bom sanduíche de vez em quando? Os sanduíches são muito apreciados porque existem em muitas variedades. Embora seja impossível dizer quem foi a primeira pessoa a colocar um pedaço de carne ou queijo fatiados entre duas fatias de pão, o crédito pela popularidade inicial do sanduíche vai para John Montagu, 4º Conde de Sandwich. Sim, você leu esse nome certo. Montagu era um aristocrata britânico que viveu no século 18 e era viciado em jogos de azar.
Curiosamente, o conde não gostava de fazer pausas durante o jogo e, durante uma intensa sessão de jogatina, ele ordenou ao cozinheiro que trouxesse algumas fatias de rosbife e pickles colocadas entre dois pedaços de pão. Ele gostou do lanche porque o pão impediu que suas mãos ficassem gordurosas e ele pôde continuar a jogar sem interrupção. Embora muitos historiadores tenham questionado a legitimidade dessa história, é amplamente aceito que a recusa de Montagu em se levantar para comer resultou na descoberta do sanduíche e da imortalização do seu nome.

6. Flocos de milho

Descobertas alimentares
Em inúmeras casas, o café da manhã não fica completo sem uma tigela de flocos de milho com leite. Esse famoso produto alimentício também foi descoberto por acidente. A história conta que W.K. Kellogg, o fundador da Kellogg Company, tentou fazer granola como uma guloseima vegetariana saudável para alguns pacientes em um sanatório em Battle Creek, Michigan, que dirigia com seu irmão.
Enquanto preparava o prato, W.K. Kellogg e seu irmão deixaram grãos de trigo acidentalmente assando na cozinha e descobriram mais tarde que os grãos tinham lascado. Os irmãos continuaram experimentando assar diferentes grãos e eventualmente milho em flocos, criando assim uma receita de flocos de milho que eles realmente gostaram. O cereal se tornou a refeição matinal mais apreciada em todo o mundo e hoje suas inúmeras variações podem ser encontradas em todos os lugares.

7. NACHOS

Descobertas alimentares
A história da criação dos nachos é bastante interessante. O famoso lanche mexicano é creditado a Ignacio “Nacho” Anaya, que era o garçom chefe de um restaurante chamado Victory Club em Piedras Negras, México. Uma tarde de 1943, um grupo de esposas de militares dos Estados Unidos cruzou a fronteira com o México vindo da base do Exército de Fort Duncan para fazer algumas compras.
À noite, elas foram ao restaurante do Victory Club para fazer uma refeição, mas ficaram desapontadas ao descobrir que o chef tinha ido embora. Anaya não queria que as mulheres saíssem sem jantar e decidiu preparar algo novo - cobrindo um prato de tortillas de farinha de milho com queijo ralado e, em seguida, adicionando algumas fatias de pimentão jalapeño como cobertura.
As mulheres adoraram o prato e perguntaram a ele como se chamava. De improviso, ele respondeu "Nacho's special" (especial do Nacho). Mais tarde, foi reduzido apenas para ‘nachos’ e passou a ser o lanche popular que todos reconhecemos hoje.

8. Biscoitos com gotas de chocolate

Descobertas alimentares
No ano de 1930, uma americana chamada Ruth Wakefield estava misturando uma fornada de biscoitos para os hóspedes de sua estalagem à beira da estrada quando descobriu que tinha acabado seu estoque de chocolate de confeiteiro que ela geralmente usava para fazê-los. Improvisando, Wakefield acrescentou pedaços quebrados do chocolate semidoce da Nestlé. Ela esperava que o chocolate derretesse e fosse absorvido pela massa para criar biscoitos de chocolate. Os pedaços não se espalharam. No entanto, quando Wakefield removeu a assadeira do forno, descobriu que havia acidentalmente criado biscoitos com "chips" (lascas) de chocolate.
Os hóspedes adoraram aquela novidade em matéria de biscoitos, e eles se tornaram a especialidade de Wakefield, que ela chamava de "Toll House Crunch Cookies". A receita dos biscoitos foi publicada em um jornal de Boston e, pouco depois, os biscoitos de chocolate se tornaram a variedade de biscoitos mais popular em América. Não demorou muito para que esta receita deliciosa chegasse a diferentes partes do mundo também. Então, da próxima vez que você estiver saboreando um pacote desses saborosos biscoitos de chocolate, lembre-se de agradecer a Ruth Wakefield por inventá-los.

9. Cerveja

Descobertas alimentares
Você sabia que cerveja é a receita mais antiga registrada no mundo? O processo de fabricação da cerveja foi documentado pela primeira vez pelos antigos egípcios em rolos de papiro por volta de 5.000 AEC. Essas primeiras cervejas foram misturadas com uma mistura de ingredientes como tâmaras, romãs e outras especiarias locais. É provável que seu sabor tenha sido bastante seco e amargo. Diz-se que os egípcios consumiam essas cervejas durante as cerimônias religiosas.
Mesmo antes dos egípcios, entretanto, acredita-se que as antigas culturas da Mesopotâmia foram as primeiras cervejarias em 10.000 AEC. Os historiadores dizem que quando os mesopotâmicos começaram a armazenar grãos para o pão, seus espaços de armazenamento às vezes ficavam úmidos, fazendo com que os grãos fermentassem. Este processo de fermentação levou à criação da cerveja mais antiga. Vamos então fazer um brinde aos mesopotâmicos!
Compartilhe este artigo divertido com seus amigos e familiares.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade