header print

As Discussões só Aumentam? Veja Este Guia Para Amenizar a Situação

 Quando estamos no meio de uma discussão, é muito fácil perder rapidamente o controle de nós mesmos. Muitas vezes, dizemos coisas que não queremos dizer, ou podemos fazer algo que nos arrependemos logo em seguida, e quando isso acontece, destruímos a confiança e o respeito de tal forma que fica difícil voltar ao que era antes. Este é o custo potencial de qualquer briga que possamos nos envolver. Quanto mais fortes forem, fica mais difícil reconstruir uma ligação positiva com a outra pessoa no futuro.
 
Então, como podemos evitar que nossos argumentos saiam do controle? Quais são algumas maneiras de desarmar uma situação como essa antes de ir longe demais? O ótimo livro Conversas Decisivas é um guia fantástico sobre como podemos enfrentar melhor essas brigas – onde quer que estejam.
 
como evitar discussões

Quando estamos no meio de uma forte discussão, sentimos como se estivéssemos sendo atacados pessoalmente. Isso faz com que o nosso sangue bombeie com mais força e envolva nossa resposta de “luta ou fuga”. Essa pressa de adrenalina nos faz agir de forma impulsiva e imprudente, e neste ponto deixamos de pensar em maneiras saudáveis de conversar – já queremos atacar ou fugir.

O livro descreve a versão social da nossa resposta de “luta ou fuga” como “silêncio ou violência”. Estas são as duas formas principais de responder a uma discussão acalorada. Quando escolhemos a opção "silêncio", significa que começamos a ficar quietos, diluindo nossas opiniões ou nos desculpamos. Quando escolhemos a opção "violência", significa que vamos começar a jogar insultos, gritar e partir para a agressividade nas palavras. Ambas as respostas são um meio para cortar qualquer diálogo significativo.

Para voltar ao diálogo significativo, o objetivo é fazer você e a outra pessoa se sentirem "seguras" novamente. Quanto mais confortáveis forem os dois, mais produtiva será a conversa. Estabelecer a segurança é um aspecto fundamental para desarmar discussões acaloradas antes de se dirigirem a um nível que ninguém quer. Abaixo, vamos descrever algumas maneiras de fazer isso.

 

Como Evitar Fortes Discussões
O objetivo de qualquer conversa é criar um "conjunto compartilhado de significado". Isso significa ter certeza de que todos se sentem seguros para falar o que tem em mente e contribuir com a conversa. Para criar este "conjunto compartilhado de significado", precisamos tornar a conversa mais segura e aberta possível. Quanto mais informações são compartilhadas, mais fácil fica conectar nossas visualizações com os pontos de vista de outra pessoa. No entanto, uma vez que começamos a nos afastar desses sentimentos de segurança, tendemos a recorrer ao "silêncio" ou à "violência". Estas atitudes simplesmente “matam” um bom diálogo, e sequer há a possibilidade de começar novamente.

Abaixo estão alguns pontos importantes a serem lembrados:

Atente-se Aos Sinais de Silênciocomo evitar discussões

O silêncio é uma forma de tentar sair de um diálogo significativo. Sinais de silêncio incluem retomar o que dizemos antes, não falando o que realmente vem em nossas mentes ("evitando") e diluindo nossa mensagem ("mascaramento").

Preste Atenção Aos Sinais de Violência
A violência é a outra forma de fugir de um bom diálogo significativo. Sinais de violência incluem cortar o que as pessoas dizem ("controlar"), julgar coisas boas ou más ("rotular") e usar insultos ("atacar").

Procure Trazer Tudo de Volta ao Normal
Quanto mais cedo pudermos identificar os sinais de "silêncio" e "violência", mais fácil será lidar com eles antes que fujam de controle. Se pudermos notar esses sinais, podemos trazer a conversa de volta a um ponto mais seguro.

Comece Com Aquilo Que Você Concorda
Uma das melhores maneiras de trazer uma conversa de volta à segurança é começar com o que você concorda. As boas conversas começam com "sim" ou "eu concordo", ao invés de "você está errado".

Conte os Fatos Por Trás da Sua História
Quando queremos compartilhar uma história com os outros, é muito importante que fiquemos nos fatos sem fazer acusações ou conjecturas. Há uma grande diferença entre dizer: "Eu notei essa compra a mais no nosso cartão de crédito" ao invés de "Você está me enganando!" Explique sua versão da história, por que você acredita naquilo e o que você está sentindo.

Permita Que os Outros Também Falemcomo evitar discussões

Assim como precisamos contar nossas histórias com honestidade, precisamos encorajar os outros a fazer o mesmo. Quando somos todos honestos, o significado da conversa cresce e melhora. No entanto, você precisa fazer a outra pessoa se sentir segura o suficiente para contar sua história sem se sentir julgada ou ridicularizada. Pergunte: "Diga-me o que você realmente pensa, eu não ficarei com raiva". Então, escute e tente não se chatear.

Descubra um Propósito Mútuo
Quando entramos em discussões acaloradas, muitas vezes perdemos o controle sobre o que realmente estamos discutindo sobre o objetivo da conversa. É muito importante dar um passo atrás e tentar encontrar um propósito mútuo. O que eu realmente quero com isso? O que a outra pessoa quer? Estamos nos concentrando no que realmente importa?

Todos os conselhos acima são projetados para recuperar nossas conversas, melhorar a interação e deixar tudo em paz. Quanto mais livremente a informação flui entre nós de forma respeitosa e honesta, mais fácil é ter uma conversa mais saudável. Então, se você é alguém que se esforça para ter conversas saudáveis, especialmente em circunstâncias difíceis, experimente o seu melhor para se lembrar dos princípios e colocá-los em ação.

Fonte: theemotionmachine.com

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: