header print

10 Fatos sobre Nefertiti, A Bela Que Veio de Longe

O Editor: Anna Davidson
 

  O busto de Nefertiti é um dos ícones mais famosos do Egito Antigo, mas a própria rainha ainda está envolta em mistério e intriga. Como esposa do faraó Akhenaton, o casal governou de 1353 a 1336 aEC durante um dos períodos mais controversos da história cultural do Egito. Naquele momento, o faraó Akhenaton fez mudanças significativas na religião do Egito, que era politeísta. Ele propôs e impôs um culto monoteísta de adoração ao deus do sol Aton, e mudou a capital do império para Amarna.

 
A Rainha Nefertiti
Busto de Nefertiti, Rainha Consorte de Akhenaton, 18a. Dinastia, Egito  Museu Neue, Berlim (Photo: Wikimedia Commons)
Embora não seja o próprio faraó, o nome de Nefertiti persistiu porque ela desempenhou um papel extremamente influente como esposa e rainha, tal como vemos nas representações sobreviventes dela. Os historiadores descobriram que Nefertiti era uma das principais defensoras do movimento religioso e cultural de Akhenaton. Ela representava o aspecto feminino de Aton enquanto o marido representava o homem - e ambos agiam como uma ponte entre Aton e o povo egípcio. O busto de Nefertiti é considerado semelhante a ela por causa da coroa característica, usada em todas as outras representações e imagens dela. Acredita-se que a escultura em calcário tenha sido concluída pelo artista Tutmés em 1345 aC. Após sua descoberta em 1912, a obra imortalizou Nefertiti como o símbolo da beleza feminina ideal.
Apesar das poucas evidências sobreviventes que temos de Nefertiti, há o suficiente para construir uma imagem da notável mulher capturada no busto. Para entender melhor a rainha egípcia, continue lendo e aprenda dez fatos sobre sua vida.
 
A Rainha Nefertiti
Apesar das poucas evidências sobreviventes que temos de Nefertiti, há o suficiente para construir uma imagem da notável mulher capturada no busto. Para entender melhor a rainha Nefertiti, continue lendo e aprenda dez fatos sobre sua vida.
A Rainha Nefertiti

Nefertiti foi uma rainha adolescente
Como era comum para a época, Nefertiti tinha quinze anos quando se casou com Amenhotep IV, de dezesseis anos. Cinco anos depois de seu reinado, o faraó iniciou seu movimento religioso e renomeou-se Akhenaton.

 

Akhenaton e Nefertiti construíram uma nova cidade 
Com a fundação de sua nova religião monoteísta, adorando o deus do sol Aton, Nefertiti e Akhenaton se separaram ainda mais do "antigo reinado" do Egito Antigo e construíram uma nova capital chamada Amarna.

 

Nefertiti pode ser proveniente de uma família real
A árvore genealógica de Nefertiti é principalmente uma conjectura com duas teorias predominantes. Alguns historiadores acreditam que seu pai é Ay, que foi um conselheiro importante de vários faraós, incluindo o futuro marido de Nefertiti. (Ay até se tornou faraó depois da morte do rei Tut em 1323 AEC.) Outros acadêmicos especulam que Nefertiti era uma princesa do reino Mittani no norte da Síria.

Sabemos que Nefertiti tinha uma irmã chamada Mutbenret (ou Mutnodjemet), mencionada na arte sobrevivente de Amarna.

 
A Rainha Nefertiti

Ela tinha muitos títulos.
Como a maioria da realeza, Nefertiti deteve muitos títulos durante seu tempo no poder, incluindo:

Princesa Hereditária
Grande Presente
Senhora da Graça
Doce de Amor
Senhora das Duas Terras
Esposa Principal do Rei
A bem Amada
Esposa do Grande Rei
Senhora de Todas as Mulheres
Senhora do Alto e Baixo Egito

A Rainha Nefertiti
 
NEFERTITI merecia o seu nome.
Nefertiti nasceu em 1370 aEC na cidade egípcia de Tebas. O nome dela significa "a bela mulher que chegou". Quando ela e o marido Akhenaton iniciaram a mudança na religião do Egito, Nefertiti adotou o nome adicional de Neferneferuaten. No total, seu nome completo significa "lindas são as belezas de Aton, uma mulher bonita chegou". De acordo com o busto que conhecemos dela, Nefertiti era realmente bela, e ainda o seria nos dias de hoje.
 
A Rainha Nefertiti

Ela governou o período mais rico da história egípcia antiga.
Akhenaton e Nefertiti governaram o período possivelmente mais rico da história do Egito Antigo - que talvez tenha sido o combustível para a visão de Akhenaton. Durante seu reinado, a nova capital de Amarna alcançou um esplendor artístico, distinto de qualquer outra época no Egito. O estilo Amarna mostrava movimentos e figuras de proporções mais exageradas, com mãos e pés alongados. As representações de Nefertiti durante esse período lhe conferem atributos distintamente femininos, com quadris largos e seios proeminentes.

 

Ela era uma esposa poderosa.
Nefertiti foi a consorte favorita, ou Grande Esposa Real, de Akhenaton desde o início de seu reinado. Segundo os registros históricos, Nefertiti teve seis filhas com Akhenaton nos nomes de Meritaten, Meketaten, Ankhes-en-pa-aten, Neferneferuaten-tasherit, Neferneferure e Setepenre. Apesar de não ter filhos homens, a arte de Amarna descreve o casal real como tendo um relacionamento forte e amoroso. Nefertiti também é mostrada exercendo uma variedade de atividades, incluindo dirigir carruagens, participando de atos cerimoniais com Akhenaton e lutando contra inimigos.

A Rainha Nefertiti

Ela era amada e odiada.
Embora Nefertiti e Akhenaton governassem o Egito antigo em uma época de riqueza sem precedentes, sua nova religião perturbou o império. Como rainha, Nefertiti era amada por alguns por seu carisma e graça. No entanto, ela também foi amplamente odiada por causa de sua liderança ativa na religião orientada ao sol de Akhenaton.

 

Nefertiti possivelmente foi declarada Faraó após a morte de seu marido.
As circunstâncias que cercam a morte de Nefertiti são um mistério, pois o nome dela desaparece do registro histórico por volta do 12º ano do reinado de 17 anos de Akhenaton. Uma teoria popular sugere que Nefertiti abandonou seu antigo título naquele momento e se tornou co-regente oficial sob o nome de Neferneferuaten.

Alguns também propõem que Nefertiti é realmente o faraó a seguir o governo de Akenaten, renomeando-se Smenkhkare. Se for verdade, Nefertiti adotou uma posição semelhante à faraó Hatshepsut, que governava o Egito à moda de um rei, usando até a barba cerimonial falsa.

 

Está relacionada ao Faraó "Tut" (mas não por linhagem de sangue).
Como Nefertiti não tinha filhos, o faraó Tutankhamon (ou "rei Tut") foi filho de Akhenaton e uma de suas concubinas.

 
Fonte do conteúdo: My Modern Met
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade