header print

O Partenon de Livros da Artista Marta Minujin

 Você provavelmente conhece o Partenon, o antigo templo grego localizado em Atenas, Grécia, que é um dos monumentos mais importantes da história. Agora veja que incrível: a artista argentina Marta Minujin o recriou, e de uma forma muito inusitada e original. Ela o recriou na cidade de Kassel, Alemanha, com um material mais inusitado ainda: livros!
 
Partenon de livros na Alemanha
 
Partenon de livros na Alemanha
A artista diz que este é um monumento que expressa a resistência a opressões vindas de regimes políticos autoritários. Para tirar o projeto do papel, ela contou com a ajuda de estudantes da universidade local, que a ajudaram a listar cerca de 170 obras literárias que foram ou ainda estão censuradas.

Partenon de livros na Alemanha
 
Partenon de livros na Alemanha
Feito o levantamento dos títulos, ela ergueu o Partenon usando os livros, plástico e ferro. Para reforçar o valor da obra, ela foi erguida justamente em um local em Kassel em que os nazistas queimaram cerca de 2 mil livros em 1933, censurados pelo governo da época. Eram obras que eles achavam não fazer parte de sua ideologia “correta”.
Partenon de livros na Alemanha
 
Partenon de livros na Alemanha
Ainda vale a pena destacar a frase do poeta alemão do século 19, Heinrich Hein, que escreveu: “Onde se queimam livros, no fim também se queimam pessoas.”
Partenon de livros na Alemanha
 
Partenon de livros na Alemanha
BÔNUS - veja no vídeo toda a grandiosidade do ‘Partenon de Livros’:
Conteúdo e imagens: boredpanda
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: