header print

10 Gastos Que Você Pode Reduzir Pela Metade e Economizar!

Economizar é sempre bom e necessário, mesmo que nossa situação financeira esteja bem. Além de controlar as contas e os gastos extras, algumas pequenas atitudes rotineiras podem "engordar" as suas economias. Pode parecer pouco, mas vale lembrar aquele antigo ditado: "De grão em grão a galinha enche o papo".

 
Essas dicas que você verá a seguir seguem este raciocínio. São gastos rotineiros que, caso sejam cortados pela metade, farão muita diferença no seu orçamento mensal e na sua poupança a longo prazo. São dicas tão simples que vão te surpreender ao ver como é fácil guardar um dinheirinho.
 

1. Esponjas

Assim que comprar uma esponja, corte-a ao meio antes de usar, sem molhar. Pode parecer estranho, mas você não sentirá falta da outra parte. E acredite: usar metade da esponja dura tanto quanto uma inteira.
 

2. Detergente de lava-louças

Quem tem lava-louças sabe que o detergente específico para essas máquinas é bem mais caro que os comuns. Pois saiba que não é preciso usar a quantidade descrita nas embalagens, mesmo em grandes quantidades de louça. Coloque apenas a medida de uma colher de sopa do sabão no compartimento. No caso de usar pastilhas, corte-as ao meio.
 

3. Sabonete líquido

Experimente misturar metade de sabonete e outra metade de água. Engana-se quem acha que o sabonete perde sua efetividade ao fazer isso. Suas propriedades permanecem as mesmas, você só vai deixá-lo mais líquido. E ainda vai economizar!
 

4. Sabão em pó

Tente usar a metade do quantidade de sabão que você costuma colocar na lavagem das roupas. Caso funcione, faça isso com frequência e você vai economizar sabão e dinheiro. Algumas marcas são muito boas e realmente só precisam da metade para deixar as roupas limpas.
 

5. Papel-toalha e guardanapo

Estes são acessórios que costumamos desperdiçar sem perceber. Quando derramamos algo no chão ou em alguma superfícies, gastamos dezenas de folhas de papel-toalha; e muita gente gosta de usar mais de um guardanapo de papel, o que é totalmente desnecessário. A dica aqui é: substituir definitivamente o papel por tecido. Caiu algo no chão ou na pia? Use um pano de chão. Além disso, há lindos guardanapos de tecido em lojas de produtos para casa. Basta usá-los e lavar na lavagem normal, junto com suas roupas. É mais barato a longo prazo, além de ecologicamente correto.
 

6. Açúcar

Corte o açúcar pela metade em tudo - na cozinha, no cafezinho, no suco, chá, receitas etc. Você notará que o sabor não vai mudar drasticamente e, quem sabe aos poucos você consiga eliminá-lo completamente. Um suco de frutas, por exemplo, não precisa de açúcar pois a fruta já é doce o suficiente. O café pode parecer amargo demais nos primeiros dias, mas o paladar vai se adaptar. É um ganho duplo: no seu bolso e na sua saúde. Quer mais dicas de como cortar o açúcar da sua vida? Clique aqui!

 

7. Xampu, condicionador e pasta de dente

É uma tolice achar que utilizar grandes quantidades desses itens vai deixar o seu cabelo ou seus dentes mais limpos. O que importa é a qualidade, e não a quantidade. No caso do xampu e condicionador, coloque uma pequena quantidade na palma das mãos, esfregue-as levemente e depois passe sobre os fios, distribuindo bem. E você também não precisa usar uma enorme quantidade de pasta de dente como mostram os comerciais - uma quantidade do tamanho de uma ervilha é o suficiente.

 

8. Porções

Comer em porções pequenas é um hábito comum e saudável em diversos países, como França, Japão e Finlândia. E por que não fazer o mesmo? Faça um teste - reduza suas porções pela metade e você sentirá a diferença nas suas economias e no seu peso, pois quantidade menores ajudam a emagrecer. Tem crianças em casa? Elas não precisam tomar suco o dia todo, apenas nas refeições. Durante o dia, elas podem tomar água, que é muito mais saudável.
 
 

9. Lazer

Veja bem, você não vai cortar completamente os momentos de lazer da sua vida. Apenas ponderar. Se você tem TV a cabo e serviço de streaming como o Netflix, por exemplo, veja qual é o melhor para você e escolha somente um deles. Se não abre mão de um bom cineminha, opte pelos dias da semana, preferencialmente a quarta-feira, para pegar metade do preço. E para quem mora nas grandes cidades, dê uma olhada no jornal e na internet, pois você sempre vai encontrar eventos gratuitos.

 

10. Comer fora

Este é outro tipo de entretenimento bem prazeroso, mas que tem se tornado cada vez mais caro. O mesmo vale para a pizza do fim de semana, ou até mesmo um barzinho. Se cortar esses gastos pela metade, vai economizar consideravelmente. Se você come fora toda semana, por exemplo, comece a ir apenas a cada duas semanas.

 
Créditos: aboutone.com

 

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: