header print

Frutas, verduras e legumes que foram "domesticados"

O Editor: Anna D.
 

 A ideia de domesticar é genial, se você pensar a respeito. Você pega uma planta ou animal selvagem e os reproduz cuidadosamente, para que as características desejadas se tornem cada vez mais ​proeminentes, enquanto, simultaneamente, eliminam os aspectos mais indesejáveis. Como resultado, os seres humanos têm animais de estimação e de trabalho (cães pastores, por exemplo), leais e adoráveis, além de alimentos deliciosos e nutritivos, resistentes a parasitas e que crescem rapidamente. Mas você já imaginou quanta diferença o cultivo faz? Acontece que é impressionante o que apenas algumas centenas ou milhares de anos de cultivo cuidadoso podem fazer com as espécies vegetais, transformando-as completamente, e para melhor.

Clique em cada imagem para revelar os ancestrais selvagens de cada fruta, verdura ou legume.

 

1. Banana

Verduras modificadas banana
Fonte da imagem e capa: Warut Roonguthai/ Wikimedia Commons 
A familiar banana Cavendish não se parece em nada com seus ancestrais selvagens, cheios de sementes, não tão saborosos e fáceis de descascar. Ambas as espécies conhecidas de banana selvagem antiga, Musa acuminata e Musa babisiana, estão cheias de sementes não comestíveis, e temos que agradecer aos antigos agricultores do Sudeste Asiático e da Papua-Nova Guiné pelas deliciosas frutas que podemos saborear hoje. O cultivo da banana remonta a 8.000-5.000 AEC

2. Melancia

Verduras modificadas melancia
As melancias são algumas das frutas mais suculentas do mercado, mas nem sempre foi assim. De fato, apenas alguns séculos atrás, as melancias pareciam muito diferentes das que podemos comprar nas lojas hoje, como ilustrado por uma pintura da fruta por Albert Eckhout por volta de 1610-1666. Além dos peculiares padrões circulares dentro da fruta, as melancias do século XVII também parecem conter muito menos polpa comestível vermelha e muito mais casca branca e de gosto ruim. 
 

3. Repolho

Verduras modificadas couve
Acredite ou não, mas a história do repolho é uma das mais interessantes que há, pois acontece que repolho, brócolis, couve-flor e couve vêm de uma única planta nativa da Europa - a planta de mostarda selvagem (Brassica oleracea). Ainda mais interessante: esta planta não se parece em nada com nenhum dos vegetais listados acima, então o cultivo desses vegetais é um verdadeiro testemunho do incrível engenho dos agricultores.

4. Milho

Verduras modificadas milho
Um dos alimentos que sofreu uma das transformações mais surpreendentes é definitivamente o milho, já que a planta de milho selvagem tem apenas 5 a 10 minúsculos grãos amarrados em uma espiga. A planta que se acredita ser ancestral do milho é a planta teosinte, e estima-se que foi domesticada pela primeira vez há 10 mil anos pelos agricultores indígenas do México. Com o tempo, não apenas o tamanho e a abundância de grãos em uma espiga de milho aumentaram, mas também ficou muito mais fácil descascar e com sabor mais doce.

5. Pêssego

Verduras modificadas pêssego
Fonte da imagem: James Kennedy
Outra fruta que mudou seu perfil de sabor juntamente com a quantidade de partes comestíveis são os pêssegos. Acredita-se que os pêssegos tenham se originado na China, e a domesticação dos frutos deve ter ocorrido por volta de 6.000 AEC. A contraparte selvagem da fruta cultivada ainda existe na China hoje, e não é apenas muito menor e tem um caroço maior, mas também é levemente salgada e terrosa em termos de sabor. Por fim, ao contrário dos pêssegos, a fruta tem uma casca lisa, ao contrário dos pêssegos macios e felpudos que encontramos nos supermercados atualmente.
 

6. Berinjela

Verduras modificadas beringela
As berinjelas são deliciosas e combinam bem em uma variedade de pratos, mas o melhor de tudo - você geralmente pode usar a planta inteira em sua receita: quase sem sementes, sem casca e sem problemas. Isso também pode ser dito sobre o ancestral da berinjela - uma planta subsaariana da família das sombreadas chamada Solanum incanum, mas você dificilmente conseguiria ficar satisfeito depois de comer um desses pequenos vegetais, especialmente porque eles são terrivelmente amargos. Hoje, as berinjelas vêm em uma ampla variedade de cores, variando de branco a roxo escuro, e diferentes tamanhos e formas.

7. Tomates

Verduras modificadas tomates
Fonte da imagem: Livejournal
Como muitas outras plantas nesta lista, o ancestral de todos os tomates ainda pode ser encontrado na natureza hoje. É chamado Solanum pimpinellifolium e cresce no norte do Peru e no sul do Equador. O sabor desta planta curiosa que cresce em videiras é idêntico ao de outros tomates, mas é significativamente menor em tamanho, sendo quase do tamanho de ervilhas. Então, você teria que adicionar pelo menos cem deles para preparar uma salada média. Pensa-se que o tomate tenha sido cultivado no México ou em outras partes da Mesoamérica, com registros do vegetal que remontam a pelo menos 500 AEC.
 

8. Cenouras

Verduras modificadas cenouras
Fonte da imagem: The Northwest Forager
A cenoura tem origens humildes, pois vem de uma erva daninha que pode ser encontrada em toda a Europa - a renda da rainha Anne ou Daucus carota. Para ser mais preciso, vem de uma versão desta planta que foi cultivada na Pérsia ou na Ásia Central há cerca de mil anos. Esta planta tinha raízes brancas, roxas e amarelas, e os escritos mencionando estas raízes remontam aos tempos grego e romano. Na Idade Média, a planta já havia sido totalmente cultivada e perdeu seu sabor amargo e sua forte textura amadeirada, evoluindo gradualmente para as cenouras que amamos comer hoje em dia.

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade