header print

Como Acalmar Crianças Barulhentas

 Algumas vezes, tudo o que você realmente deseja é um pouco de paz e tranquilidade, mas você sabe que isso simplesmente não vai acontecer, já que seus filhos não param de gritar! Felizmente, existem algumas estratégias que você pode usar para fazer com que eles se acalmem, mesmo se estiverem no meio de uma grande pirraça. Como? Comece a percorrer esta página e descubra você mesmo!
 
crianças pirracentas

1. Reforço positivo - Esta é sempre a primeira coisa que você deve tentar. Simplesmente elogie seu filho sempre que fizer o que é dito. As crianças normalmente se comportam da maneira que acham que os adultos esperam, então se você continuar acusando seu filho de ser barulhento, ele eventualmente acreditará que essa é a sua verdadeira natureza. Se você fizer elogios toda vez que eles ficarem quietos, eles podem aprender a permanecer assim.

2. Seja claro - Quão calmo você realmente quer que seus filhos sejam? Você simplesmente quer que eles parem de gritar ou é o silêncio total que você procura?

3. Fale com eles - Explique quão importante é o silêncio e a quietude, e como isso pode fazê-lo relaxar a mente e o corpo, e permitir que você entre em contato com o que está acontecendo dentro de você.

4. Defina os horários silenciosos - Estes são momentos em que ninguém poderá usar qualquer dispositivo eletrônico. Você pode usar esse tempo para ler em conjunto ou ter uma conversa tranquila.

5. Caminhe com eles - Isso levará seus filhos à beleza e maravilha da solidão. Você será capaz de se concentrar no canto dos pássaros e nos outros sons suaves da natureza.

6. Dirija no silêncio - Só porque você está no carro, não significa que você tenha que ligar o rádio. Incentive seus filhos a ficarem ocasionalmente em silêncio e a absorver a vista da janela do carro.

crianças pirracentas

Quatro passos para acalmar uma criança barulhenta

Se tudo mais falhar, e seu filho estiver fazendo uma terrível birra, então esses 4 passos devem ser tudo o que for preciso para acalmá-los:

1. PARE: Pare o que estiver fazendo e preste atenção ao seu filho. Eles estão com medo? Chateados? Com fome? Animados?

2. OLHE NOS OLHOS: Quando você chegar ao nível do seu filho e olhar nos olhos, isso fará com que eles se sintam valorizados e também permitirá que você avalie adequadamente a situação.

3. FIQUE CALMO: Você precisa sorrir, mover-se devagar e abaixar sua voz. Isso não só demonstra um comportamento ideal para o seu filho, mas também pode aquietá-lo para que possa ouvir o que você está dizendo.

4. CANTE: Se eles ainda não parecerem consolados, então você pode tentar cantar tranquilamente. Uma música familiar pode ajudar a acalmá-los em um nível visceral.

Fontes: fatherlypsychologytoday
Imagens: depositphotos 

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade