header print

16 Fotos Incríveis Que Mostram o Quão Esquisita a Natureza Pode Ser

 A mãe natureza é rica em diversidade e tem muitas características – umas belíssimas, outras nem tão belas, e algumas simplesmente bizarras! Esta é uma série de fotos que representam os aspectos mais esquisitos da natureza. Desde acontecimentos climáticos a pequenos insetos, veja 16 fatos incríveis que o mundo natural tem a oferecer.
 
1. A eterna tempestade de relâmpagos
O Relâmpago do Catatumbo é um fenômeno atmosférico que ocorre na Venezuela, sobre o rio Catatumbo, cerca de 160 noites por ano e dura dez horas por vez. O fenômeno pode atingir picos de 280 raios por hora, iluminando a noite e ensurdecendo a qualquer pessoa.
2. Brócolis romanesco
Também conhecida como couve-flor romanesca, esta incrível obra de arte comestível é natural e apresenta formas fractais quase perfeitas.
3. Cristais de bismuto
O bismuto é um elemento químico composto por tons furta-cor quando exposto ao ar. Embora seja quimicamente semelhante ao chumbo, tem um nível de toxicidade excepcionalmente baixo, tornando-o um substituto perfeito. 
4. Bassarisco
Membro da familia dos guaxinins, é um mamífero nativo do sul da América do Norte. Muitos dizem que são animais de estimação afetuosos, e também muito ágeis na captura de insetos.
5. Abricó-de-macaco
Também conhecida popularmente por castanha-de-macaco, esta árvore é encontrada nas florestas tropicais da América do Sul e Central. Os nativos da Amazônia costumavam colher partes da árvore para fins medicinais, usando-as para tratar qualquer doença, desde o resfriado comum até alguns tipos de câncer.
6. Caranguejo-dos-coqueiros
É o maior dos caranguejos da espécie dos eremitas, também o maior artrópode terrestre do mundo e, ao contrário da maioria das espécies, os caranguejos-dos-coqueiros vivem exclusivamente em terra. Seu nome foi dado em razão de sua preferência pela polpa de cocos, que eles podem abrir batendo com suas poderosas garras.
7. Antílope real
É  a menor espécie de antílope do mundo, nativo da África Ocidental. Você pode pensar que este pequenino da foto é um filhote, mas na verdade é um antílope totalmente crescido!
 
8. Cigarras
Existem cerca de 2.500 espécies de cigarras no mundo. Todas elas passam a maior parte de suas vidas em habitat subterrâneo, em casulos. No final de sua vida, a crisálida deixa o subsolo, troca de pele e cria asas, tornando-se uma cigarra adulta.
9. Ovelha nariz-preto de Valais
Essas ovelhas são nativas da Suíça e possuem um esquema de cores distinto.
10. Sagui-pigmeu
Nativo do noroeste da América do Sul, o Sagui-Pigmeu, também conhecido como Sagui-Leãozinho, é o menor macaco do mundo. Seu tamanho adulto é entre 11 e 15 centímetros, e pesam cerca de 100 gramas.
11. A migração dos caranguejos vermelhos
As ilhas Christmas, na Austrália, são o lar do caranguejo vermelho. Esses invertebrados passam a maior parte do tempo solitários, entretanto, no início da estação chuvosa, migram em grande número por toda a ilha em direção à praia, onde se acasalam. O governo local proíbe o tráfego nas rotas de migração.
12. Estrela do mar se alimentando de uma anchova
Isso pode até ser surpresa, mas a estrela do mar é uma predadora oportunista.
13. Gado Belgian Blue
Belgian blue (Belga azul) é uma raça de gado conhecida por seus corpos fortemente musculosos. O seu físico incomum (chamado de "musculatura dupla") é resultado da criação seletiva.
14. Tartaruga-pescoço-de-cobra
Este cágado de aparência bizarra é encontrado na Austrália e tem um pescoço bem longo, diferente da maioria das outras espécies de tartarugas e cágados. Quando ameaçada, a tartaruga-pescoço-de-cobra secretará um líquido de mau cheiro para afastar os predadores. Os moradores locais a apelidaram de “fedorenta” (do inglês “stinky”).
 

15. A formiga-panda
A formiga-panda é, na verdade, uma vespa sem asas. Seu revestimento de pelos é bem similar ao veludo. Se algum dia você se deparar com uma formiga panda, tenha cuidado! Sua picada pode ser muito dolorosa.
16. Peixe-bolha
O peixe-bolha, ou peixe-gota é, na verdade, um peixe de aparência normal quando em seu habitat natural – a 1.200 metros de profundidade. Quando extraído do fundo do mar, sofre descompressão devido à diferença na pressão atmosférica, dando-lhe uma aparência nada atraente. É considerado o peixe mais feio do mundo!
criaturas estranhas da natureza
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: