header print

Saiba Como Se Proteger da Radiação dos Aparelhos Celulares

 Hoje praticamente todo mundo utiliza celulares. Mas, afinal, o uso excessivo pode fazer mal à saúde? O aparelho realmente produz radiação?

A resposta é sim.

Embora cientistas ainda não tenham total certeza, já foi comprovado que os celulares produzem radiação, mas isso não é motivo para se preocupar e abandonar o seu aparelho. O fato mais importante que você precisa saber é que, em alguns casos, o sinal produzido pelo telefone pode ser muito forte e até perigoso, mas também pode transmitir sinais muito fracos e inofensivos. Por isso, é importante saber quando isso pode acontecer e qual a melhor forma de se proteger e evitar danos à sua saúde. Os pais devem ficar muito atentos a essas informações, pois precisam evitar que as crianças não sejam expostas aos sinais de radiação no período de crescimento.

 
 
Saiba Como Se Proteger da Radiação dos Celulares

Aqui vão algumas dicas:

1. Quando não estiver usando o celular, mantenha-o longe do seu corpo, na maior distância possível.

2. Ao utilizar o aparelho, opte por usar fones, ou mantenha uma distância do ouvido.

3. Caso isso não seja possível, não pressione muito o celular no ouvido. A energia dos sinais de radiofrequência (RF) é inversamente proporcional à distância da fonte, ou seja, quando você se aproxima, são grandes as chances de absorção desta energia.

4. Diminua o duração das chamadas. Caso queira conversar por longo tempo, opte pelo telefone comum, se possível.

5. Você pode optar também pela mensagem de texto, o SMS, e assim não precisa aproximar o aparelho da sua cabeça.

 

6. Caso não tenha ninguém por perto para não incomodar, você pode utilizar o telefone no modo viva-voz.

7. Use o celular em algum local onde o sinal esteja bom. Se o sinal está fraco, o aparelho automaticamente aumenta os sinais de transmissão para completar ou melhorar a chamada. Se estiver em um lugar onde o sinal está bom, faça a ligação e evite andar de um lado para outro.

8. Metal e água são fortes condutores de ondas transmissoras, por isso evite o uso de celular se estiver usando óculos com armação metálica ou após o banho, com os cabelos molhados.

9. Espere completar a chamada antes de usar o fone de ouvido ou aproximar o aparelho da cabeça pois, para fazer a ligação, o aparelho primeiro faz uso de fortes sinais de frequência, que diminuem assim que a pessoa atende. As ondas de radiação são mais fortes durante a chamada.

10. Caso seja possível, use o telefone fixo ao invés do celular.

11. Se o aparelho estiver ligado, não carregue-o nos bolsos. Algumas mulheres têm o hábito de colocar próximo ou entre os seios. Não façam isso! Isso pode causar problemas de fertilidade e até no coração. Quando o telefone está ligado, ele automaticamente transmite sinais a cada dois minutos para testar a rede.

12. As crianças e principalmente os adolescentes estão aderindo cada vez mais ao uso do aparelho. Controle o tempo que eles usam o celular para evitar excesso de exposição aos raios transmissores, que podem causar problemas no processo de crescimento.

​13. Pessoas que têm implante médico devem usar o aparelho com uma distância de no mínimo 15 centímetros do implante, principalmente para quem tem pontes de safena.

14. Quando for comprar um celular, verifique se é possível fazer um teste de absorção de energia. Você pode encontrar essa informação na internet, se souber qual aparelho deseja adquirir.

15. A radiação do celular sobe consideravelmente quando utilizado no carro, para que o sinal ultrapasse o material do carro (metal, vidro etc.). Por isso, evite-o usar se estiver dirigindo ou mesmo que seja o passageiro.

Fonte: Gabriel S.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: