header print

4 Métodos Naturais Para Tratar Pés e Pernas Inchados

 Com as temperaturas mais altas, as chances de inchar as pernas e pés por retenção de água são grandes, mas isso pode ocorrer em qualquer época do ano. No entanto, não é somente o clima que é a única causa desse inchaço - isso pode ser ocasionado por algum problema de saúde grave.
 
 
4 Métodos naturais para tratar pés inchados e pernas

Por que ocorre o inchaço?

O inchaço é causado pelo acúmulo de líquidos chamado edema. Quando afeta os braços, pernas, mãos e pés, é referido como edema periférico. A retenção de água ocorre porque os vasos sanguíneos nesses membros se expandem ou dilatam, o que pode ser causado por um clima quente ou úmido ou, possivelmente, por uma série de outros problemas.

A dilatação torna mais fácil os fluidos de vasos sanguíneos serem transportados para o tecido circundante, ocasionando o inchaço do tecido. Sentado ou de pé em uma posição por um longo tempo sem se mover puxa o fluido para baixo em direção às suas mãos, pernas e pés, tornando o inchaço ainda pior.

Que remédios poderiam aliviar os membros inchados?

Enquanto o tempo pode ser um fator contribuinte, a razão pela qual algumas pessoas incham nem sempre pode ser descoberta. No entanto, causas comuns relacionadas com a doença do inchaço são doenças renais ou cardiovasculares. Muito frequentemente, um médico vai te prescrever um diurético e sugerir que você corte o sal da dieta.

 

Remédios naturais para aliviar o inchaço também incluem:

4 Métodos naturais para tratar pés inchados e pernas

1. Usar meias de compressão

Se você precisa ficar em pé um longo tempo durante o dia, use uma meia de apoio ou compressão até o joelho. Isso ajudará a circulação do sangue entre seus pés e seu coração. Meias de compressão vêm em muitos estilos e cores, os preços variam bastante. Elas também variam em tamanhos e pressões. Então, caso você esteja inchando muito e com frequência procure um médico e pergunte qual é a meia ideal para o seu caso.

2. Mantendo as pernas elevadas

Manter suas pernas para cima enquanto está sentado por períodos prolongados ajudará a reduzir a retenção de água em seu corpo. Coloque um banco confortável e compacto embaixo da sua mesa, ou coloque as pernas para cima e descanse os pés em uma cadeira extra. Quando estiver deitado, coloque seus pés em cima de alguns travesseiros que também irá ajudar. Certifique-se de não colocar pressão no local inchado. Se isso acontecer, pode causar  o esticamento do tecido da sua pele e também pode levar a um edema mais grave e duradouro.

3. Fazer caminhadas frequentemente

Se você é incapaz de manter suas pernas elevadas ao sentar-se, faça caminhadas com frequência. Isto irá aumentar a circulação e deixar que seu sistema linfático possa bombear o excesso de líquido.

4. Massageie suas mãos

Se suas mãos parecem estar inchadas, melhore a circulação e a drenagem linfática, aplicando loção para as mãos e massageie-as. Comece com a ponta dos dedos, e, em seguida, mova para a mão e o pulso. Outra opção seria exercitar suas mãos, segurando-as no nível do peito, tentando apertá-las levemente. Para fazer isso de forma eficaz, feche e abra os dedos. Faça isso várias vezes ao dia.

4 Métodos naturais para tratar pés inchados e pernas

Quando o edema é perigoso?

Há casos em que o edema pode ser fatal. Enquanto a doença cardiovascular e renal pode ser uma das causas desse problema, outras também incluem doença hepática, apneia do sono, alergias e também o uso de certos medicamentos - incluindo antidepressivos, medicamentos para diabetes e terapia de reposição hormonal.

O edema pode tornar-se perigoso quando não é verificado. Além das graves condições acima mencionadas, o inchaço e alongamento da pele pode causar uma aparência escamosa, com aparência de eczema e até mesmo úlceras de pele. Úlceras podem levar a infecções graves da pele, incluindo celulite, onde a infecção acontece através da pele para o tecido subjacente.

Além disso, as pernas e os pés inchados crônicos podem colocá-lo em risco de coágulos de sangue que podem apresentar-se em uma perna ou viajar até os pulmões, coração, cérebro ou outra parte do corpo. Isso é chamado tromboembolismo (ou acidente vascular cerebral, se ele chegar até o cérebro).

Atente-se a sintomas como falta de ar, batimento cardíaco rápido ou dor e calor em um membro. Se este for o caso, contacte um médico imediatamente, uma vez que pode ser tromboembolismo. Os sintomas também podem ser acompanhados de dor no peito, febre ou ansiedade intensa.

4 Métodos naturais para tratar pés inchados e pernas

O que acontecerá se você sofre de edema crônico?

Embora você possa obter alívio dos métodos de auto-tratamento descritos acima, a forma mais segura é consultar seu médico. Só um profissional da área pode incluir outras medidas preventivas, especialmente se você sofre de edema crônico grave:

1. Prescrição de compressão pneumática

Se o seu inchaço é grave, você pode ser instruído a usar um dispositivo de compressão pneumática, uma meia de compressão com maior intensidade, dentre outros.

2. Verificação de coágulos

O seu médico pode verificar coágulos através de um ultra-som nos membros inchados. Se este pode ser o caso, o profissional provavelmente vai te recomendar um medicamento para diminuir o sangue e prevenir tromboembolismo.

3. Recomendar a fisioterapia com fármacos

Seu médico pode encaminhá-lo a um fisioterapeuta para massagem e terapia de movimento, bem como técnicas de compressão especializada que envolve o uso de bandagem.

Fonte: Luana A.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: