maavaron
Você está sendo transferido para a página solicitada...
header print

Evite 7 Tipos de Câncer Com Exercícios

 É assustador e alarmante pensar que quase metade de todas as mortes por câncer são evitáveis e poucas pessoas sabem disso. Ter um estilo de vida saudável e exercitar-se regularmente são dois remédios milagrosos que podem te deixar longe do câncer. Na verdade, vários estudos têm mostrado que a atividade física pode realmente reduzir o risco de desenvolver certos tipos dessa doença. Aqui estão sete tipos de câncer que você pode evitar só com atividades físicas:
 

1. Câncer de estômago
Um estudo de 2008 mostrou que as pessoas que se exercitaram ao menos moderadamente reduziram o risco de desenvolver câncer de estômago em até 50%. Outro estudo também indicou que pessoas que faziam exercícios físicos pelo menos três vezes por semana ao longo de suas vidas também tiveram de 20 a 40% menos probabilidade de desenvolver câncer de estômago, do que aqueles que faziam menos de uma vez por mês.

2. Câncer de ovário

Algumas pesquisas adicionais ainda são necessárias neste campo específico, no entanto, há algumas evidências sugerindo uma ligação entre o exercício físico e um risco menor de câncer epitelial. Um estudo publicado na revista científica Cancer Causes & Control, mostrou que as mulheres que fizeram exercícios de alta intensidade estavam com um risco reduzido de desenvolver câncer de ovário invasivo.

Se você está pensando em começar uma rotina de exercícios, recomenda-se começar com baixa intensidade e aumentar gradualmente. A ideia é obter um bom treino cardiovascular que aumenta o seu pulso e faz você transpirar.

7 Tipos de câncer que você pode prevenir com exercícios

3. Câncer de pulmão
Um estudo da Universidade de Minnesota que acompanhou mais de 36 mil participantes sem câncer por 16 anos determinou que aqueles que se exercitavam com frequência tinham um menor risco de câncer de pulmão, do que aqueles que só se exercitavam esporadicamente.

Outro estudo, publicado no American Journal of Epidemiology, comprovou a pesquisa descrita acima, tanto em homens quanto mulheres, com baixo a médio índice de massa corporal.

4. Câncer de mama
Mulheres com histórico familiar de câncer de mama podem reduzir o risco de desenvolvê-lo em até 25% quando se exercitam por 20 minutos pelo menos cinco vezes por semana, de acordo com um estudo publicado na Breast Cancer Research.

A publicação Journal of Clinical Oncology também mostrou os resultados de um estudo de câncer de mama, onde as mulheres pós-menopausa que iniciaram um programa de exercício de intensidade moderada a intensa, apresentaram mudanças nos níveis de hormônio e proteína, o que por sua vez significava que elas estavam em um risco reduzido de desenvolver câncer da mama.

 

5. Câncer de próstata
Homens que se exercitam regularmente estão em menor risco de desenvolver ou morrer de câncer de próstata avançado do que aqueles que não fazem exercícios, de acordo com um estudo publicado no International Journal of Cancer.

7 Tipos de câncer que você pode prevenir com exercícios

6. Câncer colorretal
Um estudo publicado no British Medical Journal indicou que as pessoas que vivem um estilo de vida saudável, incluindo menos 30 minutos de exercício diário, reduzem o risco de desenvolver câncer colorretal.
Além disso, o Instituto de Epidemiologia do Câncer de Copenhague, na Dinamarca, descobriu que 23% dos cânceres colorretais que se desenvolveram durante um estudo com mais de 55 mil homens e mulheres entre 50 e 64 anos foram evitáveis.

7. Câncer endometrial
Duas horas e meia de exercício por semana mostrou uma redução em 34% no risco de mulheres desenvolverem câncer de endométrio, que começa no revestimento do útero. Pesquisadores da Yale School of Public Health, nos Estados Unidos, também descobriram que as mulheres com um índice de massa corporal de menos de 25 estavam com um risco 73% menor, quando comparado a outras pessoas que tinham um índice de massa corporal de 25 ou mais.

Nota: As informações e sugestões contidas neste site são meramente informativas e não devem substituir consultas com médicos especialistas.

Fonte: Fabian G.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: