header print

Piada do Dia: O Que Pensam Nossos Animais?

Todos sabemos que os cães e os gatos são e agem de forma diferente, mas só depois de ter encontrado seus diários secretos foi que chegamos a compreender a enorme diferença entre esses dois animais...
 
Diário De Um Cão
 
8:00 – Comida de cachorro! Minha comida favorita!
 
9:30 – Um passeio de carro! Meu passatempo favorito!
 
9:40 – Um passeio pelo parque! Meu passatempo favorito!
 
10:30 – Me acariciam e me mimam! Meu passatempo favorito!
 
12:00 – Ossos! Meu objeto favorito!
 
13:00 – Brincar no pátio! Minha atividade favorita!
 
15:00 – Abanar o rabo! Meu passatempo favorito!
 
17:00 – O jantar! Minha comida favorita!
 
19:00 – Brincar com a bola! Minha atividade favorita!
 
20:00 – Ver TV com a família! Meu passatempo favorito!
 
23:00 – Dormir na cama! Meu lugar favorito!
 
Diário De Um Gato
 
Dia 1073 em cativeiro - Meus captores continuam pensando que me enganam quando sacodem pequenos objetos na minha cara. Eles se banqueteiam em fartas refeições enquanto nós, presos nesta tortura, somos alimentados com uma espécie de "comida" seca e dura. Embora eu não tenha problemas para demonstrar meu imenso desprezo por este alimento, encontro-me sem opções e preciso comer para manter-me forte. A única coisa que me ajuda a seguir lutando é meu sonho de escapar e ser livre. Numa tentativa de causar repulsa, mais uma vez, vomitei no tapete da sala. Hoje matei um camundongo e atirei seu corpo decapitado sobre os pés dos meus captores. Tinha esperanças de que ficassem com medo após esta inequívoca demonstração do que sou capaz... mas de nada adiantou. A única reação foi fazerem comentários idiotas sobre o "bom caçador" que sou. Imbecis!
 
Dia 1074 em cativeiro - À noite meus captores se reuniram com seus cúmplices. Durante todo esse tempo fui afastado do local. Apesar de tudo, eu podia escutar os ruídos e sentir o cheiro da comida. Ouvi falarem que meu afastamento se devia a algo chamado "alergia". Devo descobrir o que isso significa para usar imediatamente a meu favor.
 
Dia 1075 em cativeiro - Hoje quase consegui assassinar um dos meus torturadores, atravessando-me entre seus pés enquanto ele caminhava. Devo tentar novamente amanhã. Mas, desta vez, será quando ele estiver descendo a escada. Estou convencido que os outros prisioneiros aqui são bajuladores e dedos-duros. O cachorro tem privilégios especiais. Frequentemente eles o soltam e, por algum motivo, ele sempre volta, o que me leva a concluir que, certamente, é um bobalhão. O passarinho deve ser um informante. Sempre o vejo comunicar-se com os guardas. Certamente, ele reporta a eles cada um dos meus movimentos, esse traidor. Meus captores, por segurança, o puseram em uma gaiola alta para mantê-lo a salvo. Por enquanto.
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: