header print

Piada: Moishe e o Papa

 

 Certo dia,  o papa decidiu que todos os judeus tinham que sair de Roma. Naturalmente, houve um grande alvoroço da comunidade judaica.

Então o papa fez um acordo: ele faria um debate religioso com um membro da comunidade judaica. Se os judeus vencessem, poderiam ficar. Se o papa vencesse, os judeus partiriam. Os judeus perceberam que não tinham escolha. Eles procuraram por um campeão de oratória que pudesse defender sua fé, mas ninguém queria ser voluntário. Era muito arriscado. Então eles finalmente escolheram um velho chamado Moishe para representá-los.

Sendo velho e pobre, com menos a perder, ele concordou. Como era um homem de pouquíssimas palavras, apenas pediu que o debate fosse feito sem palavras. O papa concordou.

Chegou o dia do grande debate. Moishe e o papa ficaram sentados um em frente ao outro por um minuto inteiro antes de o papa levantar a mão e mostrar três dedos. Moishe olhou para ele e levantou um dedo. O papa agitou os dedos em um círculo em volta da cabeça. Moishe apontou para o chão onde ele estava sentado. O papa pegou uma bolacha branca e um copo de vinho. Moishe pegou uma maçã.

O papa levantou-se e disse: "Eu desisto. Este homem é bom demais. Os judeus podem ficar."

 
Piada: O papa e os judeus

Uma hora depois, os cardeais estavam em volta do papa perguntando o que havia acontecido. Ele disse: 'Primeiro levantei três dedos para representar a Trindade. Moishe respondeu erguendo um dedo para me lembrar que ainda havia um Deus comum a ambas as religiões. Então eu girei o dedo ao meu redor para mostrar a ele que Deus estava à nossa volta. Ele respondeu apontando para o chão, mostrando que Deus também estava bem ali, conosco. Peguei o vinho e a hóstia para mostrar que Deus nos absolve dos nossos pecados. Ele pegou uma maçã para me lembrar do pecado original. Ele tinha uma resposta para tudo. O que eu poderia fazer?"

Enquanto isso, a comunidade judaica se aglomerava em torno de Moishe, espantada com o fato de que aquele velho quase caduco ter feito o que todos os estudiosos haviam insistido que era impossível! "O que houve?", eles ​perguntaram.

'Bem', disse Moishe, 'primeiro ele me disse que os judeus tinham três dias para sair daqui. Eu disse a ele que nenhum de nós sairia pra lugar algum. Então, ele me disse que toda essa cidade seria limpa de judeus. Eu o avisei que aqui estamos e aqui ficaremos.
"E então?" perguntou uma mulher.
"Eu não sei", disse Moishe, "então, ele pegou o lanche dele e eu peguei o meu."

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Clique aqui "Registre-se", para concordar com os Termos e a Política de Privacidade