header print

Turismo: 10 Atrações Imperdíveis de Madagáscar

 A ilha de Madagáscar foi uma das últimas regiões do planeta a serem habitadas por seres humanos, o que significa que sua fauna e flora permaneceram intactas por milênios. Além de ter uma incrível biodiversidade que não se encontra em nenhum outro lugar do mundo, Madagáscar tem praias maravilhosas e paisagens incríveis. Selecionamos aqui as 10 principais atrações deste lugar onde a natureza é mais do que pulsante.
 
Clique nas imagens para ampliá-las
 
10. Parque Nacional Ranomafana
turismo e viagem para madagascar
Localizado no sudeste da ilha de Madagáscar, este é um dos parques mais populares da ilha. Próximo à vila de Ranomafana, este parque tem como grande atrativo uma densa floresta, a qual os visitantes atravessam de barco. Outro atrativo são os simpáticos lêmures que habitam o local, que usualmente ficam em bambus, além de outras espécies desta rica fauna.
9. Parque Nacional Masoala
turismo e viagem para madagascar
Este parque tem cerca de 400 quilômetros de área coberta por uma floresta tropical. Fica no nordeste da ilha e inclui três parques marinhos. É o lar de dez espécies diferentes de lêmure, assim como o aie-aie, um primata noturno que só pode ser encontrado neste país. Visitantes sortudos ainda podem admirar a exótica beleza dos camaleões-pantera, que é uma das 75 espécies encontradas em Madagáscar. Outros animais são pássaros, répteis e um exótico sapo em forma de tomate.
8. Andasibe-Mantadia
turismo e viagem para madagascar
Outro parque espetacular da ilha é o Andasibe-Mantadia, que tem 11 espécies de lêmure, incluindo o indri, o maior deles. É também o parque mais próximo da capital do país, Antananarivo. Bem estruturado, oferece visitas guiadas aos turistas.

7. Colina Real de Ambohimanga
turismo e viagem para madagascar
Este foi um lugar considerado sagrado para o povo malgaxe, e até hoje é tido como um dos locais mais sagrados da ilha. Foi o lar da realeza malgaxe, com o palácio real Mahandrihono, que pertenceu ao rei Andrianampoinimerina. Possui paredes feitas de palisandro, um tipo de madeira local, e muitos artefatos recuperados, como tambores, armas e talismãs.
6. Ifaty
turismo e viagem para madagascar
Ifaty é uma área costeira com duas vilas ao sudeste da ilha. No mar, é possível ver um coral de cerca de 90 quilômetros que atua como barreira natural quando as ondas estão muito fortes. Muitos vão nadar e praticar mergulho no local. Também é muito bonito ver os pesacadores no mar com suas canoas tradicionais. Também tem uma floresta espinhosa e as famosas árvores baobás.
5. Avenida dos Baobás
turismo e viagem para madagascar
A estrada entre as cidades de Morondava e Belon’i Tsiribihina abriga um grupo de árvores que atrai turistas do mundo todo. As árvores baobás podem contar o equivalente a até 32 mil galões de água em seus troncos para garantir a sobrevivência em períodos de seca. Algumas delas chegam a ter até 800 anos de idade.
 
4. Nosy Be
turismo e viagem para madagascar
Esta pequena ilha é uma das principais atrações turísticas de Madagáscar. É um lugar extremamente tranquilo, com águas de cor turquesa ideais para dar um mergulho. Há excelentes restaurantes de frutos do mar e ótimas acomodações cercadas por palmeiras.
3. Tsingy de Bamaraha
turismo e viagem para madagascar
O sul da ilha de Madagáscar abriga a sua maior reserva natural, um planalto de calcário com diversos picos irregulares. Há também extensões de manguezais, nos quais é possível ver sete espécies diferentes de lêmure, incluindo o Deckens sifaka, com pele branca e rosto preto.
2. Parque Nacional de Isalo
turismo e viagem para madagascar
O Parque Nacional de Isalo se destaca por ser um dos mais variados da ilha, com pastagens, cânions e formações de arenito. Também tem lindas piscinas naturais, como essa da imagem acima. O ideal é visitar o parque acompanhado de um guia para aproveitar ao máximo, mas os passeios também podem ser organizados por horas ou até mesmo dias.
1. Ilha Sainte-Marie
turismo e viagem para madagascar

Também conhecida como Nosy Boraha, esta ilha foi o local onde piratas se reuniam durante os séculos 17 e 18 por ser protegida por baías e enseadas. A evidência da passagem de piratas no local pode ser vista pelos diversos naufrágios nas águas rasas de Baie des Forbans. Além disso, este é um dos melhores lugares em Madagáscar para desfrutar de snorkeling, o mergulho em águas rasas. Quem visita o local durante o verão ou início do outono pode ter a sorte de ver algumas baleias-jubarte!

Fonte: touropia
Imagens: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10

Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer:
Registre-se Gratuitamente
Você quis dizer: